Santa Terezinha deve receber certificação de hospital-escola

Hoje, a Casa de Saúde pública conta com 33 médicos residentes e cerca de 60 alunos de medicina

A Fundação Hospitalar Santa Terezinha de Erechim (FHSTE) está em busca da certificação de hospital-escola concedida pelo Ministério da Educação (MEC). Atualmente com 33 médicos residentes e, em média, 60 alunos de medicina atuando na instituição. O Santa Terezinha, com essa certificação de hospital-escola, estará habilitado a buscar investimentos e recursos também no MEC. Hoje, essa possibilidade da busca de recursos se restringe ao Ministério da Saúde.

Além disso, o Santa já recebe estudantes de todas as áreas do conhecimento como enfermagem, fisioterapia, psicologia, medicina, administração, entre outras, para a formação de equipe multiprofissional.

Conforme explica o diretor Executivo da FHSTE, Rafael Ayub, todos reconhecem a importância do Hospital Santa Terezinha para a comunidade local e regional, especialmente como um centro de ensino para acadêmicos de medicina e residentes médicos.

“O Santa Terezinha está prestes a dar um passo significativo, aguardando apenas a certificação do Ministério da Educação para se tornar oficialmente um hospital-escola. Vale destacar que já recebemos a visita dos avaliadores do MEC, que vieram avaliar a estrutura da universidade e do hospital. Mostramos que temos capacidade para a formação profissional aqui. Em relação ao título de hospital-escola, falta ainda uma regulamentação por parte do Ministério da Saúde, e na última vez que estivemos em Brasília, soubemos que em julho deve estar regularizada. Provavelmente, ainda em agosto, conseguiremos efetivamente ter essa certificação”, pontua Rafael Ayub.

Curso de Medicina da URI entre os melhores do Brasil

O diretor do Santa Terezinha também destaca a pontuação máxima do Curso de Medicina da URI que está entre as melhores faculdades do país. Os avaliadores do MEC deram nota cinco, conceito máximo para avaliação de cursos de graduação. “Essa conquista do Curso de Medicina da URI reflete diretamente na melhoria dos serviços de saúde local e regional. Parabéns URI! Parabéns comunidade de Erechim! Essa conquista é de todos”, finaliza Rafael Ayub.

Por Assessoria de Comunicação

Você pode gostar também
  • https://cast.youngtech.radio.br/radio/8070/radio
  • https://jornalboavista.com.br/radioculturafm/
  • Rádio Cultura Fm - 105.9 Erechim - RS