Dois corpos encontrados no Rio Uruguai em Marcelino Ramos seguem sem identificação

Dois dos três corpos que foram encontrados no Rio Uruguai, no Lago da Usina Hidrelétrica de Itá, no mês de dezembro de 2021 seguem sem identificação.

O primeiro corpo foi encontrado no dia 26 de dezembro na comunidade de Água Verde, interior de Marcelino Ramos. O corpo de um homem foi encontrado boiando. Ele vestia calça jeans escura e nas costas tinha duas perfurações aparentando ser disparos de arma de fogo ou perfurações por golpe de faca.

O outro corpo foi encontrado no Rio Uruguai na tarde do último dia do ano de 2021, próximo à ponte que divide os estados de Santa Catarina e Rio Grande do Sul, às margens da BR 153. Neste caso foi possível constatar que o corpo não apresentava marcas de violência, mas também não portava documentos.

Indagada pela reportagem da Rádio Cultura a Polícia Civil de Marcelino Ramos informou que não dará informações sobre o caso.

O IGP confirmou que os dois corpos permanecem sem identificação. Eles estão armazenados em um resfriador em Passo Fundo e permanecerão no local até que algum familiar proceda o reconhecimento.

Um terceiro corpo que foi encontrado nas águas do rio Uruguai em Aratiba já foi identificado.

Você pode gostar também
  • https://cast.youngtech.radio.br/radio/8070/radio
  • https://jornalboavista.com.br/radioculturafm/
  • Rádio Cultura Fm - 105.9 Erechim - RS