A grande nevasca que atingiu Marcelino Ramos da década de 60

A imagem transporta-nos para a histórica nevasca de 1965 no Santuário de Marcelino Ramos, uma época em que a neve transformou o local em um cenário mágico. Três jovens, com olhares cheios de surpresa e encanto, seguram grandes bolas de neve, suas roupas pesadas mal conseguindo esconder o frio que enfrentavam.

Ao fundo, o majestoso santuário emerge da neve, um testemunho silencioso dos dias de inverno rigoroso. As imagens, cobertas por uma camada branca, parecem ganhar vida, conferindo à cena uma aura de nostalgia e história.

É uma lembrança congelada no tempo, um momento em que a natureza e a devoção se encontraram de forma única, eternizando a beleza efêmera de um inverno inesquecível e também cruel.

Fonte: Portal de Marcelino Ramos 

Você pode gostar também
  • https://cast.youngtech.radio.br/radio/8070/radio
  • https://jornalboavista.com.br/radioculturafm/
  • Rádio Cultura Fm - 105.9 Erechim - RS