Severiano de Almeida leva trabalho contra êxodo rural para sala de aula

O êxodo rural é uma preocupação de praticamente todos os municípios brasileiros. Embora o agronegócio tenha evoluído em tecnologia e geração de renda, ainda existe a preocupação dos gestores públicos em diminuir o impacto da saída, principalmente dos jovens, do campo.

Neste sentido, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Severiano de Almeida tomou a iniciativa de levar informação para os estudantes, diretamente em sala de aula. O secretário Dilei Anzolin realizou uma série de palestras em todas as escolas do município, as municipais Professor Fioravante Lorini e Fortunato Parmigiani, além da estadual Dr. José Bisognin.

De acordo com ele, o objetivo foi mostrar aos estudantes a viabilidade de os jovens seguirem no campo. “Estudar é preciso e vai contribuir com uma formação melhor para que o aluno possa ser um gestor da propriedade dos seus pais e que futuramente será dele. Hoje o campo apresenta qualidade de vida muito maior, alternativas que garantam a subsistência do produtor rural”, destaca Dilei.

Ele destaca ainda, que em parceria com a Secretaria de Educação, Cultura, Desporto e Turismo, outras ações deverão ser realizadas futuramente, para conscientizar os estudantes sobre a importância de assegurar a sucessão familiar no campo.

Comentários estão fechados.