Aratiba aderiu à campanha “Máscara Roxa”

Mulheres vítimas de violência poderão fazer a denúncia em farmácias

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Todas as farmácias de Aratiba, incluindo a Unidade Básica de Saúde e a Associação Comunitária Hospital de Aratiba aderiram à campanha contra a agressão as mulheres. A campanha “Máscara Roxa” foi lançada ontem (30) de forma online na região da AMAU, e contou com a participação de vários municípios.
Com a iniciativa, mulheres vítimas de violência doméstica poderão denunciar casos de agressões nas farmácias que tiverem o selo “Farmácia Amiga das Mulheres”.
Como funciona
Ao chegar na farmácia a mulher deve pedir a máscara roxa, que é a senha para que o atendente saiba que se trata de um pedido de ajuda. O profissional dirá que o produto está em falta e pegará alguns dados para avisá-la quando chegar. Após, o atendente da farmácia passará à Polícia Civil as informações coletadas, via Whats App, para que o órgão tome as medidas necessárias.
A campanha é uma iniciativa do Comitê Gaúcho ElesPorElas coordenado pelo Deputado Estadual Edegar Pretto, da ONU Mulheres, e se concretiza a partir de um termo de cooperação assinado em conjunto com órgãos ligados aos poderes Executivo e Judiciário e entidades ligadas à pauta das mulheres.

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais