Erechim tem 1,5 mil leitos de hotéis. Taxa de ocupação, porém, é inferior a 50%

A taxa de ocupação média dos 1,5 mil leitos distribuídos pelos 22 hotéis estabelecidos em Erechim gira em torno de 40% a 50%. A informação é do presidente do Sindicato dos Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares, Charli Oldoni. Segundo ele, o movimento é sustentado, em regra, por vendedores e empresários que vêm a Erechim para tratar de negócios. Há, ainda, parcela do público relacionada às Universidades (palestrantes e outros). Ao mesmo tempo, sem investimentos, visão e organização capaz de criar atrativos culturais e turísticos, a perspectiva de ganhos com o ‘turismo de eventos’ segue passando distante da Capital da Amizade.

# Conforme Oldoni, em entrevista à Rádio Cultura, nem durante os dias do Rally Internacional de Erechim, já tradicional no calendário da cidade, a taxa de ocupação dos hotéis ultrapassa os 70%, em média.

# Em breve o Ibis inaugura seu hotel no município – ampliando o número de leitos para uma cidade que ainda precisa construir alternativas a fim de atrair novos hóspedes.

 

Por Salus Loch

Comentários estão fechados.