Dom José preside celebração da Paixão de Cristo na Catedral

O Bispo diocesano presidiu a solene ação litúrgica da Paixão do Senhor na Catedral São José às 15h desta Sexta-feira Santa. Descalço e prostrado diante do altar, em silêncio, ele deu início à cerimônia que tem a proclamação da Palavra com a narração da paixão de Cristo, a oração universal pelas necessidades da Igreja e do mundo, a adoração da cruz e a comunhão eucarística.

Dom José iniciou sua homilia propondo a meditação sobre a vida e o amor que não deixam de amar, mesmo diante da brutalidade da violência que tira a vida. Um amor que vence o ódio e gera vida e esperança, porque aberto ao perdão e à compaixão. Um amor que é capaz de tocar o coração também daqueles que cometem violência, apontando-lhes o caminho da cura interior que lhes dará a paz dos filhos e filhas amados de Deus. Depois fez considerações sobre as últimas palavras de Jesus na cruz: tudo está consumado, tenho sede, mulher, eis aí teu filho e filho, eis aí tua mãe. Para o Bispo, mistério luminoso da cruz são explicadas até a dor e a morte, sob a forma de ternura de um amor extremo, de quem amou até o fim.

Comentários estão fechados.