Diplomada em Química Industrial da URI é aprovada em dois mestrados 

        A diplomada do Curso de Química Industrial da URI Erechim, Rafaela Nery de Melo, que colou grau no sábado, 26 de janeiro, conquistou a primeira colocação na seleção para o mestrado em Engenharia de Alimentos da URI, que tem conceito 4 da CAPES (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior) vinculada ao Ministério da Educação. Ela também foi aprovada com bolsa Capes no Mestrado em Ciência e Tecnologia de Alimentos da UPF, que tem conceito 3 da Capes.

        Segundo Rafaela, que decidiu realizar o mestrado na URI, “a decisão de cursar mestrado veio de diversas influências principalmente de dentro da própria Universidade, como professores e colegas de outros cursos, bem como a vontade de aprofundar os conhecimentos e a busca constante por qualificação, afinal hoje o mercado está cada vez mais exigente. As aprovações vieram de muita dedicação e também são fruto da iniciação científica, participação em congressos, publicações realizadas durante o período da graduação que contaram com a parceria de outros colegas da instituição. Além disso, o apoio dos professores dos cursos de Química Industrial e Engenharia de Alimentos foi de extrema importância, sempre impulsionando para que alcançássemos o diferencial. Os anos dedicados à iniciação científica também foram importantes, onde atuei principalmente na pesquisa de produção e imobilização de enzimas para sua aplicação em processos de interesse industrial. Foi através dele que descobri o quão gratificante é o mundo da pesquisa e o quão importante e essencial ele é na nossa sociedade, apesar dos vários percalços que atravessam nosso caminho para chegar a resultados satisfatórios. Foi dentro dos laboratórios que me realizei ainda mais na escolha profissional que fiz e uma forma de colocar os conhecimentos teóricos em prática, bem como acompanhar e auxiliar os demais colegas de iniciação científica quando era solicitada ou mesmo movida pela curiosidade do novo. Aproveito para destacar a excelente infraestrutura que a instituição tem para a realização de pesquisas que enriqueceram a minha formação”, destacou.

Comentários estão fechados.