Defrec prende suspeitos de matar pai e filho em Erechim

Crime que vitimou um homem, uma criança de 06 anos e deixou uma adolescente ferida, teria sido encomendado de dentro do presídio. Um dos envolvidos acabou assassinado menos de um mês após os homicídios

Agentes da Delegacia Especializada em Furtos, Roubos, Entorpecentes e Captura (Defrec) prenderam preventivamente na tarde desta quarta-feira (31/01), Arão Tezeu Imbe Júnior, 20 anos, e Gelson José Gonçalves, 31 anos, suspeitos de matar pai e filho em Erechim, na noite de 30 de outubro de 2017.

Na data, Sandro Roberto Kalb, 36 anos, e Erick Eduardo Kalb, de apenas 06 anos, foram assassinados a tiro no interior da residência onde moravam, na Rua Tiago André Rossi, bairro Copas Verdes. Na ocasião, dois indivíduos chegaram ao local em uma moto, um deles desembarcou e passou a atirar contra as vítimas. Uma adolescente, que supostamente seria companheira de Kalb, também foi baleada, mas sobreviveu.

Segundo o delegado titular da Defrec, Gustavo Vilasbôas Ceccon, a investigação revelou que Kalb traficava drogas no local e o que motivou sua morte foi um desacerto envolvendo o comércio dos entorpecentes. Segundo foi apurado, a ordem para os assassinatos foi dada de dentro do Presídio Estadual de Erechim, por Gelson José Gonçalves. Arão ficou encarregado de executar o crime e na data do fato foi até o local acompanhado de Tiago Barbosa de Moura, que pilotou a motocicleta.

Alguns dias depois do crime, a polícia localizou a moto utilizada no homicídio, queimada na zona rural de Erechim e no dia 18 de novembro de 2017, Tiago foi assassinado em Erechim com diversos disparos de arma de fogo e o crime segue em investigação. Para a polícia, os homicídios podem estar relacionados.

Gelson será notificado de sua prisão preventiva no presídio, onde atualmente cumpre pena.

Comentários estão fechados.