Michel Thiollent ministrará aula inaugural do Mestrado Profissional em Educação da UFFS

Atividade acontece na próxima quinta-feira (5) e será transmitida pelo canal do PPGPE no YouTube

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

O Programa de Pós-Graduação Profissional em Educação (PPGPE), ofertado pela Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) – Campus Erechim, realizará a aula inaugural de 2020 de seu curso de mestrado na próxima quinta-feira (5). Para falar sobre os desafios da pesquisa-ação em educação, o Programa convidou o professor Michel Thiollent. Doutor em Sociologia pela Universidade de Paris, na França, o professor universitário aposentado é uma referência nacional na área da pesquisa-ação, com extensa bibliografia publicada.

A pesquisa-ação é uma metodologia de pesquisa desenvolvida com o objetivo de resolver problemas concretos do cotidiano de instituições e pessoas. De acordo com o coordenador do PPGPE, professor Thiago Ingrassia Pereira, “insere-se no campo das pesquisas participantes, que problematizam a relação entre sujeitos e objetos de pesquisa, sugerindo uma abordagem que implique o processo de pesquisa com aqueles e aquelas que o constituem”.

Thiago ressalta que por ser uma pesquisa do tipo aplicada, é relevante para a proposta do Mestrado Profissional. “Uma das distinções mais significativas entre os mestrados acadêmicos e os profissionais é o tipo de pesquisa que é realizada. Enquanto na modalidade acadêmica as pesquisas podem ser de natureza básica ou aplicada, nos profissionais a ênfase é na pesquisa aplicada. Por isso, a pesquisa-ação é uma estratégia metodológica largamente utilizada, principalmente nas pesquisas tipo intervenção”, explica.

A aula será aberta a todos os interessados, com transmissão no canal do PPGPE no YouTube (https://www.youtube.com/channel/UCpjEdWdiung0pQEi1G9_O7A

), a partir das 14h. Segundo Thiago, a mídia social recém-criada pelo Programa tem por objetivo “compartilhar conteúdos relativos ao campo científico da educação. Ao mesmo tempo, é mais um espaço de divulgação do próprio Programa, possibilitando a expansão do público potencial das atividades desenvolvidas. Por fim, é uma estratégia usual em tempos de ensino remoto na pandemia”.

Sobre o Mestrado Profissional em Educação

Implantado em 2015, o PPGPE oferta, anualmente, vagas em duas linhas de pesquisa: Pesquisa em Processos Pedagógicos, Políticas e Gestão Educacional e Pesquisa em Educação Não-formal: Práticas Político-Sociais. Os processos seletivos, voltados a graduados em cursos de licenciatura, ocorrem no primeiro semestre de cada ano, para ingresso no segundo semestre. De 2015 a 2018 eram ofertadas 20 vagas por ano. A partir de 2019, esse número passou para 24.

Seu corpo docente é formado por 14 professores doutores, sendo seis deles com estágio de pós-doutoramento. Em cinco anos, o Programa formou 69 mestres, e entre os egressos há professores da educação básica e superior, servidores de instituições de ensino, secretários municipais de educação, dirigentes sindicais, diretores de escolas, etc. Os recortes das pesquisas realizadas pelos egressos da primeira turma (2015/2017) foram publicadas em 2019 no livro intitulado “A construção do conhecimento no mestrado profissional em educação”, disponível para venda no site da Livraria Cirkula.

Atualmente, o programa conta com 57 estudantes com matrícula ativa, sendo 24 ingressantes na turma de 2020. O processo seletivo deste ano teve 169 inscritos, o que representa uma média de sete candidatos por vaga. Mais informações sobre o Programa podem ser acessadas no site institucional em www.uffs.edu.br/ppgpe.

Get real time updates directly on you device, subscribe now.