Comércio e Religião

Por outro lado, romaria de Nossa Senhora da Santa Cruz não para de crescer

133

No último final de semana foi realizada em Marcelino Ramos, uma das mais tradicionais romarias do sul do país, de Nossa Senhora da Salete. O público nos últimos anos tem diminuído significativamente. Por outro lado, o número de comércios ambulantes tem aumentou. Em tese, fé e comércio não deveriam andar juntos, mas parece que em algumas romarias, a comercialização está ocupando um lugar que no passado era utilizado somente pelos romeiros. Algo precisa ser revisto pela municipalidade e igreja católica.

Romaria de Santa Cruz

Enquanto algumas cidades estão vendo o número de fiéis e romeiros diminuir a cada ano, a romaria de Nossa Senhora da Santa Cruz, no Lajeado Paca, não para de crescer. A romaria realizada há algumas semanas reuniu milhares de devotos. Coincidência ou não, na romaria de da Santa Cruz é proibido à venda de qualquer tipo de produto, inclusive alimentos e artigos religiosos.

Por Fabio Lazzarotto/ JBV Online

Você pode gostar também

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.