Qual a diferença dos incêndios no Paraná na década de 60 e o da Amazônia?

As grandes queimadas nas florestas brasileiras não são de hoje. Na década de 60, mais precisamente em 1963, o Paraná teve o maior incêndio da história brasileira. Na época, 10% do território do Paraná foi atingido pelo fogo nas densas florestas. Ou seja, 128 municípios daquele Estado foram atingidos pelo fogo que consumiu mais de dois milhões de hectares de florestas e plantações.

Milhares de pinheiros foram consumidos pelo fogo, bem como animais. Foram registradas 110 mortes e cerca de mil pessoas feridas. Na época a tragédia foi atribuída a ação humana, através de madeireiros e grileiros.

Atualmente as queimadas na Amazônia estão deixando a população brasileira e mundial perplexa, o que já aconteceu aqui no sul do Brasil, pela ganância de madeireiros clandestinos e de grandes latifundiários.

Ou seja, tanto as queimadas do Paraná, quanto as da Amazônia, são fruto dos mesmos gananciosos. Está na hora de termos leis mais duras paras os verdadeiros criminosos, que destroem a natureza em nome da ganância.

Por Egidio Lazzarotto

Comentários estão fechados.