No primeiro dia de aula, 2º ano do Barão apresenta brinquedos e maquetes construídas nas férias

 

Um dia das férias de julho de Marco Valentim Hermes foi dedicado à construção de um brinquedo junto com o avô. Os dois iniciaram o projeto no início da manhã e, por volta das três horas da tarde concluíram o biboquê, todo feito em madeira. Com orgulho, o estudante do 2º ano do Instituto Anglicano Barão do Rio Branco (IABRB) explica o funcionamento do brinquedo: através do movimento das mãos, a bola deve ser encaixada no suporte de madeira. “A ideia foi do meu avô, esta era uma brincadeira que ele gostava muito quando era criança. Na verdade, meu avô é um grande inventor: ele gosta muito de fazer brinquedos, faz até flauta de madeira”, conta o estudante.

No primeiro dia de aula do segundo semestre, nesta segunda-feira (29), os estudantes do 2º ano do Ensino Fundamental do Barão apresentaram um brinquedo e a maquete de uma cidade imaginária, utilizando materiais recicláveis como base. “A ideia foi mostrar aos alunos que os brinquedos construídos por eles com a ajuda das famílias podem ser tão ou mais legais do que os comprados em lojas”, enfatiza a professora Claudia Franceschetto.

O resgate de brincadeiras antigas também deu forma a petecas de milho, pena de galinha e bonecas de pano. “Com panos velhos e cabelo de lã eu e minha avó fizemos uma boneca. Não é uma boneca comum, nada foi comprado e levou bastante tempo”, destaca Sarah Mingoti Cantelle. A atividade de férias proposta pelas professoras Claudia Franceschetto e Sandra Severo foi mais ação do projeto anual de sustentabilidade da escola, que tem o objetivo de disseminar a consciência sustentável para que os cuidados com o meio ambiente sejam tomados dentro e fora da sala de aula.

Comentários estão fechados.