Classe B de Erechim tem poder de compra na casa de R$ 1 bilhão, revela empresário

CDL aposta em parcerias e premiações para fortalecer o comércio

Sem firulas e com boa capacidade de aglutinar parceiros – a partir do discurso da união de esforços, a nova direção da CDL, liderada pela presidente Arlei Cavaletti, já ampliou em mais de 30% a lista de empresas afetas à grade de eventos da entidade e planeja, para 2018, fortalecer Erechim como referência de compras da região Alto Uruguai – evitando que os lojistas locais sigam perdendo clientes para municípios vizinhos e, também, para a internet.
O carro-chefe das ações foi apresentado a autoridades, associados e imprensa nesta semana, em evento no Clube do Comércio, e prevê o sorteio de 500 prêmios ao longo das comemorações do centenário de Erechim, dentre os quais, três veículos 0 KM.

# A ação de lançamento da campanha da CDL contou, ainda, com palestra do empresário Julio Brondani – responsável por mostrar que, em se tratando de PIB per capita, Erechim teria um potencial de consumo maior do que os de Chapecó e Passo Fundo, sendo as classes B e C as detentoras do maior pode de ‘fogo’ (compra).

# Só os 31,7% da população erechinense classificadas na faixa de renda ‘B’, por exemplo, tem poder de compra na casa de R$ 1 bilhão, revelou Brondani.

# Em tempo: Se é acertada e verdadeira a opção por promoções e sorteios de prêmios para atrair clientes, não menos verdadeiro é que se faz necessário investir ainda mais na qualificação da gestão e no atendimento do comércio local – preparando lojistas e comerciários para o novo tempo (que já chegou, aliás, faz tempo). Presidente Arlei, conectada, garante saber disso. Amém.

 

Por Salus Loch

Comentários estão fechados.