Hospinorte encerra ano com avaliação positiva sobre atuação da entidade

A Hospinorte – Associação de Hospitais e Estabelecimentos de Saúde do Norte do Estado do Rio Grande do Sul – realizou, no dia 22, a sua última reunião ordinária do ano. Os encontros mensais recomeçam em fevereiro de 2019. Sob a presidência de Claudiomiro Carus, os representantes dos hospitais associados fizeram uma avaliação do ano e explanaram sobre a situação atual de cada hospital, especialmente frente ao atraso nos repasses do Estado aos hospitais.

Conforme informou o presidente Claudiomiro Carus, segundo dados da Federação das Santas Casas e Hospitais Beneficentes, Religiosos e Filantrópicos, a dívida com filantrópicos atinge R$ 155 milhões, e com os municípios, chega a R$ 500 milhões, de acordo com a Federação dos Municípios do RS (Famurs). Os principais atrasos são no pagamento de programas/incentivos e da Produção SUS. Entretanto, todos foram unânimes em dizer que os contratos mantidos com os municípios têm auxiliado na manutenção dos hospitais.

Apesar das dificuldades, os hospitais avaliaram como positiva a atuação da Hospinorte durante o ano. Segundo Claudio Carus, “seguimos firmes e fortes na nossa missão de atender a quem precisa dos serviços dos hospitais, que seguem prestando atendimento de qualidade aos pacientes”. Ele falou, ainda, que há vários desafios a enfrentar no próximo ano, como revisão e melhoria das tabelas do SUS e dos convênios, ter maior zelo na renovação de contratos e um desafio permanente que é melhorar a qualidade da assistência ao paciente, com foco na segurança do mesmo.

ENTIDADE VISA A QUALIFICAÇÃO DOS PROFISSIONAIS

A Hospinorte é uma associação civil de direito privado, sem fins lucrativos, fundada em 22 de novembro de 2002, que tem como uma de suas missões promover a qualificação e capacitação dos profissionais que atuam nas 13 instituições prestadoras de serviços de saúde de toda a região.

São elas: Associação Comunitária Hospitalar de Aratiba, de Aratiba, Associação Hospitalar Comunitária Beneficente de Nonoai, de Nonoai; Associação Hospitalar Marcelinense, de Marcelino Ramos; Associação Hospitalar Nossa Senhora da Pompeia, de Viadutos; Fundação Hospitalar Santa Terezinha de Erechim, de Erechim; Hospital Beneficente São Leonardo, de Três Arroios; Hospital da Unimed Erechim, de Erechim; Hospital de Caridade de Erechim, de Erechim; Hospital Santa Isabel, de Gaurama; Hospital Santo Antônio, de Estação; Hospital São Judas Tadeu, de Jacutinga; Hospital São Roque, de Getúlio Vargas e Hospital São Roque, de Severiano de Almeida. Para isso, promove, mensalmente, cursos, palestras, treinamentos, seminários, mesas redondas e workshops, com temas que são de interesse dos associados.

A Hospinorte atua no ramo da Atenção Terciária e tem suas unidades prestadoras de serviços de saúde (hospitais) localizados na região do Alto Uruguai, realizando inúmeros procedimentos terapêuticos que visam à melhoria da saúde e qualidade de vida dos cidadãos, em especial, dos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS).

Outros objetivos da Hospinorte são congregar as entidades a ela associadas, visando uma defesa comum de seus direitos, interesses e necessidades; representar os associados perante as autoridades, as entidades de classe e o público em geral; instituir, quando necessário, comissões técnicas para produção de trabalhos de interesse dos associados; manter intercâmbio assistencial hospitalar em situações críticas de superlotação ou de calamidade pública; exercer quaisquer outras atividades que visem resguardar ou defender os interesses de seus associados, sempre dentro de uma conduta ética e legal.

Comentários estão fechados.