Mesmo com chuva, fiéis lotam Santuário na tarde do primeiro dia da novena de Fátima

Com presença maciça de zeladoras de capelinhas das Paróquias da Diocese de Erexim, fiéis lotaram o Santuário de Fátima no terço e na missa da primeira tarde da novena de Fátima, com bastante chuva, nesta sexta-feira, festa dos Arcanjos Miguel, Rafael e Gabriel.

As zeladoras de cada paróquia trouxeram uma capelinha, representando as outras, e as colocaram em frente à mesa da Palavra. Trouxeram também flores que depositaram diante da imagem de N. Sra. durante o canto do glória.

O evangelho narrando a visita de Nossa Senhora à sua prima Isabel foi encenado por Cledir Bortolini e Lani Gugel, de Campinas do Sul.

O terço e a missa foram presididos pelo Pe. Moacir Noskoski, Pároco da Paróquia N. Sra. da Glória, de Erval Grande e assistente diocesano das zeladoras, acompanhado pelo Diácono Pascoal Pozza, da Catedral São José.

Pe. Moacir iniciou a homilia lembrando o tema da novena e da Romaria – Fátima, anúncio profético da misericórdia e da paz. Ressaltou a necessidade destes dons divinos especialmente para as famílias. Recordou o mês da Bíblia, destacando a importância e a necessidade da luz da Palavra de Deus para se discernir entre o bem e o mal. Como a leitura falava do chamado de Deus a Moisés para ser o libertador do povo e o evangelho narrava a visita de Maria a Isabel, enfatizou o sim de ambos ao projeto de Deus. Exortou a todos a cultivarem a generosidade a Deus, vivendo intensamente a oração. A partir da visita de Maria a Isabel, referiu-se à importância e à necessidade de todos cultivarem a boa convivência e irem ao encontro das pessoas, especialmente dos doentes e dos que vivem na solidão. Para o padre, fazer o bem aos outros é a maior realização do ser humano.

 

 

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.