Comil apresenta pacote anti-Covid-19 e anuncia parcerias

Sistema de renovação de ar, luz ultravioleta, névoa de ozônio e outros itens integram funcionalidades

A fabricante de ônibus Comil, de Erechim (RS), apresentou oficialmente nesta quarta-feira, 29 de julho de 2020, um pacote para minimizar o risco de contágio pela Covid-19 nos transportes.

Algumas das alternativas foram possíveis por meio de parcerias, como com MACAM Tech, no caso de um sistema de luz ultravioleta, e com a myOzone, que oferece nebulização por ozônio, ambas funcionalidades para eliminar vírus e bactérias do ambiente interno dos ônibus.

Entre os itens da carroceria em si, a empresa destaca um sistema de renovação de ar, cortinas de divisão entre poltronas, dispensadores de álcool em gel, barreira acrílica entre as poltronas e escudo de proteção para motoristas e cobradores.

As funcionalidades podem ser aplicadas em ônibus zero-quilômetro e em usados da marca, conforme informado pela fabricante, em nota.

De acordo com o presidente da Comil, Deoclécio Corradi, uma das preocupações foi apresentar alternativas que não elevem significativamente os custos de operação e aquisição.

“Promover segurança e confiabilidade aos usuários do transporte público, sem esquecer de promover aos clientes, soluções que não gerem tanta elevação do custo operacional, para que estes possam adaptar suas frotas já existente com as novidades divulgadas e também adicionar itens em veículos novos”, disse, em nota.

Já o coordenador de Engenharia da empresa, Rodrigo Tavares, disse que estes itens podem ser incluídos em ônibus novos e nos veículos já produzidos através de um kit produzido pela Comil.

Confira os itens, na íntegra:

h

  • Dispenser de álcool gel: O equipamento, resistente à trepidação e furtos, pode ser instalado na entrada de acesso principal ao veículo, banheiro e geladeiras.

f

  • Cortinas de divisão entre poltronas: Além de promover mais privacidade para os usuários, as cortinas com tecidos antibacterianos limitam os espaços.
  • Barreira acrílica entre poltronas: Outra alternativa de barreira física para gotículas, instalado entre poltronas na altura do encosto. Pode ser instalado em carros 0km e em veículos prontos.

g

  • Escudo acrílico móvel para o motorista e cobrador: Proteção em acrílico instalada na lateral do banco do motorista e em frente ao cobrador, realizando uma barreira para evitar contato direto com os passageiros.

hhgg

  • Luz Ultra Violeta

O sistema de esterilização de ambientes através da luz UVC, desenvolvido pela empresa MACAM Tech, é um dos trunfos apresentados. O equipamento 100% brasileiro e portátil, emite uma luz de alto poder germicida que interage diretamente com o material genético dos micro-organismos, fazendo sua inativação completa, interrompendo o ciclo de contágio. Um método rápido (em média 10 minutos), seguro e eficaz para desinfetar água, ar e superfícies, inativando até 99,9% de vírus, bactérias e fungos.

A tecnologia já é utilizada na descontaminação de hospitais, como a Santa Casa da Misericórdia de São Carlos, que recebeu a tecnologia através do Instituto de Física de São Carlos (IFSC) da USP.

hhhhhhh

  • Névoa Ozonizada

Nos últimos dias, a Comil também lançou o sistema de desinfecção por Nevoa de Ozônio em parceria com a myOzone, empresa especializada em higienização e desinfecção de ambientes através de Ozônio.

i

Segundo a Comil, o processo é altamente eficaz na higienização de todos tipos de superfícies, promovendo uma redução da infecctividade viral de 99,99% – incluindo o novo Coronavírus ­– em apenas 10 segundos. A Névoa Ozonizada possui laudo aprovado pelo Laboratório de Virologia do Instituto de Biologia da UNICAMP. A solução que chega ao mercado para combater a proliferação de vírus e bactérias não apresenta toxidade para o ser humano, pode ser utilizado no ambiente mesmo com pessoas presentes no local. O produto por ser uma nevoa, atinge todas as superfícies internas do ônibus. Outra vantagem sobre alguns sistemas que utilizam ozônio, é que não há desprendimento do gás ozônio puro no ambiente, somente o oxigênio, subproduto do ozônio.

Adamo Bazani e Jessica Marques, jornalistas especializados em transportes

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais