Instituto Erechinense de Previdência é o 2º melhor do Brasil entre cidades com 100 mil habitantes

O Instituto Erechinense de Previdência (IEP) é o 2º melhor do Brasil entre os municípios na faixa dos 100 mil habitantes. A revelação foi feita no dia 20 de junho, quarta-feira passada, pelo Ministério da Fazenda/Secretaria de Previdência, a partir da divulgação do ranking nacional dos Regimes Próprios de Previdência, que avaliou 2.123 RPPS do país.
Conforme Renato Toso, presidente do IEP, o resultado comprova o trabalho sério e transparente desenvolvido desde a criação do Instituto, em dezembro de 2015. Toso também destaca a parceria do executivo municipal na viabilização das ações necessárias. “Temos contado com a participação e parceria da administração pública desde a criação do IEP, seja na regularidade dos repasses mensais bem como a disponibilização de equipe técnica para encaminhamento das demandas necessárias. Certamente, isso contribui para que estejamos sólidos e atendendo as demandas de nossos servidores”, frisa o presidente Toso.
O Ministério da Fazenda levou em consideração para realização do levantamento, dentre outros, os seguintes critérios: concessão de benefícios, contabilidade, transparência, legislação, conselhos, comitê com certificação, equilíbrio atuarial, solvência, liquidez, envio dos demonstrativos previdenciários, contribuição e repasses em dia.
O IEP também é referência em termos de Rio Grande do Sul, ocupando a 8ª colocação entre os 327 institutos gaúchos. Do total de 2.123 RPPS do país, o IEP ocupa a 26ª posição geral.

Comentários estão fechados.