Escola de dança de Erechim com vagas abertas para novas turmas

Instituição lançou calendário de eventos e atividades para 2020

O ano de 2020 começou com novidades para a Dançar e Sonhar Escola de Dança de Erechim. Além da abertura de vagas para novas turmas a instituição já divulgou o Calendário de Eventos de todo ano.

O Calendário de Eventos é composto por atividades temáticas, novas modalidades, cultura, arte, espetáculo e diversão. Enfatizando o que será o tema de cada mês do ano com eventos específicos. “Pensando sempre em um ensino de qualidade, atividades inovadoras e um planejamento estruturado, nós da Dançar e Sonhar já estamos com nosso calendário de 2020 pronto, cheio de surpresas e novidades para todas as nossas bailarinas”, explica a professora e diretora da escola, Vanessa Carrion.

“Vem ser feliz, vem para a Dançar”

Além das atividades pensadas e já estruturadas em termos de dança a escola também conta com aulas de teatro Infantil e Juvenil e a nova modalidade de dança o Jazz Infantil. Atualmente mais de 300 meninas fazem parte do elenco da Dançar e Sonhar que dispõem de vagas para novas turmas. “Buscamos sempre o melhor, o moderno, o inovador e, claro, sem deixar de lado o ballet clássico. Aqui tudo é planejado em termo de educação e arte. Nosso lema é simples mas completo e reflete o que queremos e sentimos por nossas bailarinas. “Vem ser feliz, vem para a dançar”, enfatiza a professora e também sócia da escola, Jordana Sperry.

Como entrar para a Dançar e Sonhar

Crianças e adolescentes que gostam da dança e desejam fazer parte do elenco da escola, as matrículas estão abertas. A instituição aceita meninas a partir de 1 ano e 7 meses. A Escola I está localizada na Rua Miguel Moisyn, 579, no bairro Atlântico e a Escola II fica na Avenida Uruguai, 227, no centro de Erechim. Os telefones para contato são (54) 99124-5523 ou (54) 99969-0225.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais