Dal Zotto solicita envio de Moção de Apoio ao IFRS

34

Vereador presidente do Poder Legislativo, Ale Dal Zotto solicita o envio de Moção de Apoio ao IFRS Campus de Erechim, em prol das necessidades de investimentos e ampliação dos espaços acadêmicos a fim de garantir e aprimorar as atividades de ensino técnico, profissional e tecnológico desenvolvidas pelo campus.

Dal Zotto reforça que atualmente o IFRS é consolidado em nossa região como uma das mais importantes instituições de educação, ciência e tecnologia pública e desenvolve um importante papel para a comunidade regional do Alto Uruguai no Estado do Rio Grande do Sul, atende 32 (trinta e dois) municípios e mais de 250.000 mil habitantes.

Além dos cursos de formação técnico e superior, o Instituto também oferta, sazonalmente, cursos de extensão voltados à comunidade interna e externa, como Costura Industrial, Artesanato, Informática para a Terceira Idade, projetos e programas como CEJA, Pronatec, Mulheres Mil e demais cursos de extensão.

O Campus Erechim também atua em linhas de pesquisas com bolsas de fomento externo aprovadas pelo CNPQ e FAPERGS, além de oferecer bolsas de fomento interno através de iniciação científica ou tecnológica e auxílio à pesquisa.

Os estudantes formados são hoje profissionais bem-sucedidos, têm consciência da importância de um centro de formação educacional gratuito e de qualidade como o IFRS no município.

“Justificamos tal moção e da sensibilidade por parte do Governo Federal e da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (SETEC) do Ministério de Educação (MEC) para necessidade de investimentos para consolidações da estrutura física, docente, ampliações de espaços acadêmicos, de modo a aprimorar as atividades de ensino técnico, profissional e tecnológico do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, campus Erechim”.

Dal Zotto ressalta que é público o conhecimento das dificuldades enfrentadas por todos com a atual situação econômica que nosso País, “mas não é cortando recursos principalmente na área da educação que iremos melhorar ou amenizar a situação, pelo contrário, é hora cada vez mais do Governo Federal investir Educação e é somente através dela que conseguiremos tornar nossa sociedade melhor”.

Pontua que os investimentos, manutenções e melhorias das atividades são necessários para que o mesmo possa dar continuidade, apoio, promoção, desenvolvimento da Educação Profissional e Tecnológica, “além de dar continuidade no atendimento dos arranjos produtivos, sociais, culturais e econômicos da Região do Alto Uruguai no Estado do Rio Grande do Sul que tanto necessitamos”, finaliza.

 

Você pode gostar também

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.