“Comércio poderá operar com 30% da sua força de trabalho”, diz prefeito Schmidt

A coletiva de imprensa realizada na tarde de sexta-feira (30), serviu para esclarecer vários “pontos” do Decreto de Calamidade Pública. O prefeito de Erechim, Luiz Francisco Schmidt, disse que em conversa com a presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Rosangela Spiazzi Truylia, Diretora de Promoção, Eventos e Comunicação, Arlei Lucia Balestrin Cavaletti e com o presidente do Sindilojas, Gelson Miola, chegaram a conclusão que era hora de flexibilizar o decreto.

“A partir de segunda-feira, 30, o comércio poderá operar de portas fechadas com 30% da sua força de trabalho”, destacou Schmidt.

Decreto:

“fica autorizada a venda, a partir de 30/03/2020, com portas fechadas e com no máximo de 30% (trinta por cento) do quadro funcional, através de telefone, aplicativos, por meio de internet ou instrumentos similares, devendo a entrega ser feita por tele-entrega ou via postal, proibida a venda presencial, devendo obedecer aos protocolos sanitários do Ministério da Saúde e da Secretaria da Saúde”.

Por Carla Emanuele 

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais