Saúde de Aratiba presta atendimento com psicólogo, psicanalista e terapeutas holísticos

Atendimento visa o cuidado com as emoções e fortalecimento da saúde emocional em tempos de pandemia.

No último sábado, 25, Os moradores puderam assistir a uma transmissão pelo facebook e acompanhar pelas rádios de Aratiba, de uma palestra com Jorge Trevisol, formado em psicologia, teologia e filosofia,  que abordou “como enfrentar os medos e a solidão neste momento de pandemia”. O encontro foi focado no fato de que a presença do coronavírus revela sentimentos guardados e como lidar com esse momento e fortalecer a saúde emocional.

Para Jorge Trevisol, “manter a imunidade alta é ter muita confiança no cumprimento de um processo pessoal, social e planetário” onde segundo ele, “estamos voltando para nosso íntimo e aprendendo a viver um dia após o outro”.  Para ele, “não devemos perder de vista que estamos todos juntos e que somos muito maiores que nossos medos e nossa ansiedade, somos seres de luz e com capacidade de amar, precisamos estar conscientes e presentes para sermos luz e segurança para quem precisa”.

Na Unidade Básica de Saúde os funcionários estão sendo atendidos pelos profissionais holísticos Eloir e Márcia Griselli. “Neste primeiro momento, queremos cuidar de nossos funcionários, de nossos colaboradores, para que possam se sentir fortalecidos e cuidarem de nossa população”, destacou a secretária da Saúde, Mengéle Fátima Wermeier.

A Secretaria da Saúde adotou o funcionamento em horário estendido na UBS, que atende das 7h às 19h, com revezamento de funcionários. O turno estendido tem o objetivo de evitar a aglomeração de pessoas e ter maior disponibilidade de acesso à todos a medicação e consultas. Entretanto, o enfrentamento ao COvid-19 sobrecarrega as equipes de trabalho, gera distanciamento e limita a relação entre colegas. Mengéle chama a atenção para o fato de que a equipe de saúde vive a preocupação do cuidado com o outro. “Por isso precisamos cuidar dos que estão conosco todos os dias, nossos colaboradores, funcionários, motoristas, médicos, enfermeiras, profissionais da higienização, levando em conta suas emoções e sobrecargas. Fala-se muito em vocação, eu acredito que estar na saúde em todos os momentos, principalmente neste, é missão, é a alma, é a essência do cuidado e do zelo que falam mais alto, e isso a palavra mais adequada diante deste trabalho é gratidão”.

O atendimento psicológico e emocional é ofertado também para a população. Basta contatar a UBS e solicitar esse acompanhamento.  Atuam na UBS a psicóloga Luciana Leite, o parapsicólogo e psicanalista Rudinei Lolatto e os terapeutas holísticos Eloir e Márcia Griselli. Na Associação Comunitária Hospitalar de Aratiba atua a psicóloga Sissa Zabot, que presta atendimento por meio do Projeto “Mãos Dadas”, desenvolvido pelo Governo Municipal, ACHA e Comitê municipal de combate ao COVID-19.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais