Aratiba registra segundo mês com crescimento na arrecadação

Dados da Famurs informam que em fevereiro, o repasse de ICMS será de cerca de meio milhão a mais do que em fevereiro de 2019

A ação do Governo Municipal em recorrer dos valores que vinham sendo informados pela Itasa, referentes à energia gerada pela Hidrelétrica de Itá, resultou em novo aumento no repasse do ICMS para o município. Desta vez, Aratiba recebeu R$ 507.968,00 a mais do que no mesmo mês de 2019. No ano, somando os valores de janeiro e fevereiro, o acréscimo já soma R$ 787.534,00 ao orçamento do município. Os dados são da Federação das Associações dos Municípios do RS- Famurs.

Aratiba é um dos municípios beneficiados pela geração de energia de Itá. Até o ano passado, mais da metade do valor da energia faturada era informada tendo como base o preço de custo, já que era utilizada pelas empresas do consórcio que forma a Itasa. Isso fez o município perder em torno de R$ 60 milhões em arrecadação nos últimos 10 anos. O prefeito, Guilherme Granzotto, recorreu dos dados informados à Receita Estadual do RS e conseguiu que o cálculo do retorno do ICMS passasse a ser feito sobre a média do preço da energia, o que resultou na correção dos valores.  Com isso, o orçamento de Aratiba deve aumentar cerca de R$ 4,7 milhões este ano.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais