Legislativo realiza sessão solene em homenagem ao aniversário de Erechim nesta segunda

Na próxima terça-feira (30), Erechim completará 101 anos de sua emancipação. A data, além de marcar o início de um novo ciclo para o município, simboliza o término das comemorações do centenário da Capital da Amizade. A fim de prestar sua homenagem, o Poder Legislativo realizará, na segunda-feira (29), uma sessão solene no Centro Cultural 25 de Julho (Rua Gaurama, 240), a partir das 19h30. Na ocasião, será entregue a Comenda Boa Vista do Erechim – Centenário a 34 pessoas, entidades e associações de destaque na cidade. A atividade contará com a apresentação da Orquestra da Escola de Belas Artes Oswaldo Engel e Getúlio Vargas, Coral Gillé e Sesc, além da execução de uma canção inédita em tributo a Erechim, de autoria da professora Joane Covolo e com arranjo do professor Gleison Wojciekowski.

Cada um dos 17 vereadores indicou dois homenageados. Receberão a distinção os seguintes nomes: Adão de Oliveira Exmelindro, Ademir Trentin, Aeroclube de Erechim, Alvaro Andreis, Associação Atlética Unidos do Beko’s, Associação dos Amigos da Alegria, Associação Espírita Caminho da Luz, Casa Rayon, Centro de Apoio e Promoção à Agroecologia (Capa), Centro Educacional Santo Agostinho, Circe Maria Delatorre, Creral, Eloi João Zanela, Fundação Hospitalar Santa Terezinha, Helena Confortin, Igreja Batista Capoerê, Intecnial, Jayme Pereira Lima, Jerônimo Sartori, José Rovilio Meneguzzo e Oneida Meneguzzo, Lar da Criança, Lauri Tonin, Luis Antonio Ruchel, Marcio Rech e Wyli Fernandes, Maria Elisa Zordan Franceschi, Mingotti Tur, Padaria Alvorada, Projeto Doutores da Alegria, Rafael Badalotti, Rosalina Kuskoski, Sociedade Beneficente Jacinto Godoi, Teresinha Menegatti, Unimed Erechim, Valter Girelli.

Aniversário do 25 – além da solenidade referente à homenagem ao município, a sessão marca, ainda, a passagem do aniversário do Centro Cultural 25 de julho, também completados em 30 de abril. Em razão disso, será entregue uma Menção Honrosa à casa de cultura, proposta pela vereadora Eni Scandolara (Progressistas).

Comentários estão fechados.