Dal Zotto demanda ônibus do Hemocentro de Passo Fundo para cadastro de doadores de medula óssea

Na última segunda-feira (25), durante a realização da sexta sessão ordinária do Poder Legislativo em 2019, um importante tema relacionado à saúde pública pautou um pedido de providências (nº 123/2019) apresentado pelo vereador Ale Dal Zotto (PSB). Nele, o parlamentar solicita à Secretaria Municipal de Saúde que articule a vinda do ônibus do Hemocentro de Passo Fundo a fim de realizar cadastro de doadores de medula óssea em Erechim.

Conforme explica o edil, é de suma importância que se busquem cada vez mais doadores que possam fazer parte do Registro Nacional de Doadores Voluntário de Medula Óssea (Redome), e visitas agendadas conforme a disponibilidade do referido ônibus poderiam incentivar o cadastro de pessoas dispostas a doar medula óssea a quem precisa de transplante. “Segundo o Redome, aproximadamente 850 pessoas estão em busca de um doador compatível, mas, mesmo com um cadastro de 4 milhões de voluntários, a compatibilidade nem sempre é fácil”, observa Dal Zotto.

Outra alternativa visando à conscientização da população diz respeito à necessidade de mais campanhas com esta finalidade, já que a falta de informação e o medo do transplante muitas vezes se tornam obstáculos na busca por voluntários. “Daí a importância de trazer um hemocentro móvel ao nosso município, além de realizar campanhas semestrais ou anuais, reforçando a importância de ser doador e salvar vidas”, afirma o vereador.

Comentários estão fechados.