Vale a liderança: Atlântico e Joinville se enfrentam pela Liga Nacional de Futsal

Após conquistar duas importantes vitórias fora de casa contra Magnus Sorocaba e Foz Cataratas, o Atlântico volta a jogar pela Liga Nacional de Futsal nesta sexta-feira, 25 de maio, às 20h15min, contra o Joinville, no ginásio Cau Hansen, em Santa Catarina. A partida desta noite colocará mais uma vez frente a frente dois dos melhores times da competição nacional. O confronto vale mais do que apenas três pontos na tabela de classificação, vale a liderança isolada do certame nacional.
O Atlântico fará sua terceira partida seguida fora de casa. Os seis pontos conquistados nas últimas duas rodadas mantiveram o time comandado por Giba nas primeiras colocações da Liga Nacional. A segunda melhor campanha jogando longe de seus domínios não é muito comum para o Galo, ou melhor, não era até então. Em quatro jogos disputados longe do Caldeirão, o verde rubro venceu três, um aproveitamento que chega aos 75%. A filosofia implantada pelo treinador Giba, culminada com a maturidade do grupo de jogadores, são alguns dos ingredientes desta espetacular campanha do clube.
Jogar contra o Joinville nunca é fácil, principalmente quando se joga no ginásio Cau Hansen. Se fora de casa o clube catarinense já é forte, jogando em casa esta força parece se multiplicar. Apesar de estar com a mesma pontuação que o Atlântico, o Joinville tem um jogo a menos que a maioria das equipes. Até então o tricolor catarinense é o único time da liga que está invicto. O pior resultado do JEC nesta edição do certame nacional foi justamente para um gaúcho, a ACBF de Carlos Barbosa.
Em outras temporadas me arriscaria dizer que um empate contra o Joinville fora de casa seria um resultado espetacular para o Atlântico, no entanto, a maturidade do time comandado por Giba me faz crer que é possível somar mais três pontos e finalmente se isolar na liderança da Liga Nacional. O Atlântico de 2018 tem passado para o torcedor um sentimento de confiança. Confiança esta, que aumentou ainda mais depois das duas últimas vitória contra Sorocaba e Foz Cataratas.

Melhor ataque X Melhor defesa
O confronto desta noite no ginásio Cau Hansen, colocará frente a frente o melhor ataque e a melhor defesa da Liga Nacional de Futsal. O Atlântico, com 44 gol marcados é o time com o melhor ataque da competição. Já o Joinville possui a melhor defesa, com apenas seis gols sofridos. Será mais uma oportunidade de observar qual setor levará mais vantagem no confronto.

Um paredão chamado Careca
A cada partida finalizada com a camisa verde-rubro, o goleiro Fernando Careca do Atlântico reitera o acerto ao escolher o clube de Erechim para defender nesta temporada. Além de ser um goleiro sanguíneo que vibra a partida inteira, Careca é um dos destaques do time de Giba. Como diz o diretor do Atlântico, Elton Dalla Vecchia, um grande goleiro precisa fazer pelo menos cinco milagres por partida. Não me dei o capricho de contar a média de milagres do arqueiro do Galo por partida, mas tenho convicção de que não baixa de cinco.

 

Por Fabio Lazzarotto

Comentários estão fechados.