A OCERGS e a fixação dos jovens no meio rural

Na última quarta-feira, 16, a equipe da Rádio Cultura e do Jornal Boa Vista, na companhia do presidente da UNIMED, Alcides Mandelli Stumpf, esteve na capital fazendo uma visita ao Vergílio Periuso, presidente da Organização das Cooperativas do Rio Grande do Sul (OCERGS). Na oportunidade conhecemos um projeto maravilhoso para fixação dos jovens no meio rural. O Programa Aprendiz Cooperativo do Campo é dirigido a pessoas de 14 a 24 anos incompleto, que tem como objetivo a sucessão familiar, promovendo o empreendedorismo cooperativo e profissionalizar a gestão de pequenas e médias propriedades rurais.
Além da profissionalização, durante o curso a OCERGS e o SESCOOP darão uma ajuda de custo de R$ 380,00 por mês para todos os jovens participantes, sendo que dispõem para realização destes cursos mais de R$ 10 milhões só para o Rio Grande do Sul. Uma bela iniciativa onde as cooperativas em parceria com as prefeituras, podem se habilitar a executar os cursos. “Onde estão sendo executados os cursos, não apenas está diminuindo a saída dos jovens do campo como muitos deles estão retornando para o meio rural. Estes jovens estão percebendo que vivendo no campo podem ser donos do seu próprio negócio. A produção na propriedade pode agregar mais valor ao produto produzidos e ser vendido na cidade”, destaca Perius.

 

Por Egidio Lazzarotto

Comentários estão fechados.