50 anos do ensino superior em Erechim são celebrados em sessão solene

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

O plenário da Câmara Municipal de Vereadores de Erechim recebeu, na noite da última quarta-feira (24), um grande tributo à educação e aos educadores. A partir de proposição do vereador Flavinho Barcellos (PDT), foi realizada a terceira sessão solene do Poder Legislativo em 2019, em homenagem aos 50 anos da implantação do ensino superior na Capital da Amizade. A fim de prestar reconhecimento a pessoas e instituições, os parlamentares entregaram a Comenda Boa Vista do Erechim – Centenário a quem fez parte desta rica história. Além das homenagens, a sessão contou com a apresentação o Grupo Artístico Big Band Comunitária da Universidade de Passo Fundo (UPF).

Receberam a comenda a UPF, representada pela reitora Bernadete Maria Dalmolin; a Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões (URI), representada pelo reitor Arnaldo Nogaro; o advogado e presidente do Diretório Central dos Estudantes à época do primeiro centro universitário de Erechim Jayme Antonio Pereira; Dilson Spinato, representado pela esposa Mary Spinato; Dom Demétrio Valentini, representado pelo padre Antoninho Valentini Neto; Dom Girônimo Zanandréia, representado por Itacir Madalozzo; Dorvalino Franzon, representado pela esposa Eunice Cecília Franzon; Irany Jaime Farina, representado pelo irmão Jacyr Carlos Farina; Irmão Waldomiro Bettoni, representado pelo professor Ernesto Cassol; e Maria Rosinha Donida. Também foi homenageado o advogado e professor Guilherme Barp, coordenador do primeiro centro universitário local, a quem foi concedido o Troféu Castelinho.

Em seu discurso na tribuna, o parlamentar proponente da solenidade resgatou um pouco dos acontecimentos que culminaram na chegada das primeiras faculdades ao município. “A situação educacional exigia com urgência a implantação do ensino superior em Erechim, e foi o que aconteceu, já que essa bandeira se tornou uma constante entre políticos, educadores, lideranças e comunidade”, destacou Flavinho. Em março de 1969, o Centro Universitário do Alto Uruguai, extensão da UPF, deu início às primeiras aulas, marcando o início de uma trajetória que só ganha força com o passar dos anos. “É com imensa alegria e emoção que comemoramos as cinco primeiras décadas do ensino superior em Erechim. O propósito deste relato é resgatar as belas façanhas de pessoas que influenciaram a vida e história de uma região inteira”, completou.

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais