Prefeitura de Erechim desenvolve ações de enfrentamento da crise da Covid-19

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Com objetivo de enfrentar a crise causada pela Covid-19, tanto no aspecto de saúde, quanto no econômico, a Prefeitura de Erechim, tem realizado ações integradas e acompanhado de perto os números da pandemia e as necessidades da população.

Erechim conta com dois hospitais (Santa Terezinha e Caridade) que são referência para região R16, dos municípios do Alto Uruguai e também Rio dos Índios e Nonoai. Nesse aspecto, o governo têm dado suporte as casas de saúde, em especial ao Hospital Santa Terezinha, que tem atendimento 100% SUS. O município aumentou o número de equipes de atendimento e neste mês de março, com a chegada de seis conjuntos de camas elétricas com respiradores de alta performance, a FHSTE chegou a 24 leitos na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para Covid-19. Além disso, os hospitais já atuam com o último nível do Plano de Contingência Hospitalar, onde todos espaços podem ser ocupados para tratamento de pacientes com agravamentos da doença.

A Secretaria de Saúde começou no dia 19 de janeiro a vacinação contra Covid-19. As doses são encaminhadas pelo Ministério da Saúde ao Estado, que distribui as coordenadorias regionais e depois aos municípios. Tão logo chegam à Erechim, as doses são aplicadas, de acordo com as estratégias de vacinação definidas pela pasta, com base no Plano Nacional de Imunização. Na quarta-feira (24), o município passou o número de 10 mil aplicações da primeira dose do imunizante.

A Secretaria de Assistência Social vem garantindo a suplementação na compra de Cestas Básicas. O repasse aos cidadãos atende os critérios estabelecidos na Lei dos Benefício Eventuais, e se efetua mediante avaliação técnica realizada pelas profissionais que atuam junto aos três CRAS. Os munícipes que possuem Cadastro Único e recebem o Bolsa Família, podem ser contemplados com o auxílio. Antes da pandemia a demanda mensal era de 200 cestas básicas e agora, a demanda passa de 500 cestas básicas mensais.

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico lançou neste mês o Programa Credi+, que vai disponibilizar linhas de crédito e prestação de serviços financeiros, com subsídio de 50% de juros, que serão custeados pelo município. Os valores podem variar de R$ 15 mil até R$ 30 mil. O programa é voltado aos Microempreendedores Individuais, Microempresas, Empresas de Pequeno Porte e profissionais autônomos devidamente regularizados. Para se inscrever no programa, basta agendar um atendimento no telefone (54) 3520-7004.

A Secretaria de Educação iniciou nesta semana a distribuição de kits de alimentos para as famílias de estudantes matriculados que estejam em situação de vulnerabilidade. Neste primeiro mês, as famílias contempladas, são as que estão cadastradas no Programa Cadastro Único, Bolsa Família e BPC. No próximo mês, também poderão receber o kit alimentação, pais e/ou responsáveis de estudantes que se apresentam em vulnerabilidade e/ou sem vínculo empregatício, mediante a autodeclaração das famílias.

A Secretaria da Fazenda ampliou os prazos para o pagamento do ISSQN. O pagamento em seis parcelas que começaria em março foi transferido para o mês de julho. Já o IPTU não terá aumento e poderá ser pago em seis parcelas a partir de junho.

Assessoria de Comunicação Social – ASCOM
Prefeitura Municipal de Erechim

Get real time updates directly on you device, subscribe now.