Workshop na FAE orienta para a destinação do Imposto de Renda a entidades beneficentes

Esclarecer e orientar acadêmicos e profissionais vinculados à área da Contabilidade sobre os procedimentos para destinar os valores do Imposto de Renda das Pessoas Físicas (IRPF) e Jurídicas (IRPJ) em investimentos sociais, permanecendo no município. Este foi o contexto de discussão do workshop “Responsabilidade social dos contadores: destinação de IRPF e IRPJ”, realizado na Faculdade Anglicana de Erechim, na noite de terça-feira (21). O encontro, promovido pela FAE em parceria com o CRC/RS e Receita Federal, contou com as palestras do auditor da Receita Federal de Passo Fundo, Marlon Batista Moraes, e da contadora e coordenadora da Comissão de Estudos de Responsabilidade Social do CRC/RS, Silvia Grewe.

Em suas falas, os palestrantes explicaram a importância e os procedimentos para destinação do IRPF e IRPJ às entidades beneficentes. Segundo dados oficiais apresentados pelo auditor da Receita Federal só no ano passado o potencial de destinações em Erechim chegou a quase R$ 3 milhões, poderia ter sido destinado a entidades beneficentes do município, conforme prevê a legislação, mas foi remetido ao Governo.

“Falta conscientização, conhecimento e iniciativa. Este evento foi o primeiro passo para uma importante caminhada a fim de contribuir com as entidades beneficentes de Erechim, como coordenadora do evento e entusiasta do assunto, acredito que vamos colher bons frutos, pois além do workshop realizado, também participamos de duas reuniões com os representantes das secretarias municipais da Fazenda e Cidadania de Erechim a fim de estabelecermos parcerias, ampliando os recursos para projetos sociais, sem onerar os contribuintes. Estamos cumprindo nosso papel de responsabilidade social, fazendo a nossa parte para um mundo melhor”, enfatiza a professora Juciléia Giacomin.

Após as duas palestras, realizou-se um momento de debate entre o público e os palestrantes. Na quarta-feira (22), os organizadores do evento realizaram a entrega dos alimentos não perecíveis, arrecadados como forma de ingresso, à Obra Santa Marta, entidade que esteve presente no evento.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais