Produtoras participam de Curso de Bolos e Tortas no Cetre em Erechim

Um grupo de 21 produtoras da região do Alto Uruguai e de outras regiões do Estado está em Erechim participando do curso de Processamento de Bolos e Tortas, que acontece no Centro de Treinamento de Agricultores de Erechim (Cetre). O curso iniciou na terça-feira (22/05) e prossegue até quinta-feira (24/05). O conteúdo, basicamente prático, está sendo ministrado pelas instrutoras Ivete Bohm Kühn, Laura Mocfa, Rosângela Montepó, Maria do Carmo de Figueredo e Fernanda Tacca Angonese. Nos três dias de curso, são preparadas mais de 50 receitas com diversos tipos de recheios e coberturas. São preparados bolos de erva-mate, de cenoura, de especiarias, bolo integral, de mandioca e de amendoim, entre muitos outros. O curso oferecido pela Emater/RS-Ascar conta com a parceria do Sicredi e da Cresol, que subsidiam parte dos valores a seus associados.

A produtora Erenilda Ferreira, 52 anos, do município de Passa Sete, elogiou o curso. “É um curso nota dez, muito bom”, avaliou. Ela contou que já participou do curso de Massas Frescas no Cetre e do de Boas Práticas de Fabricação, no Centro de Treinamento em Caxias do Sul. A intenção, segundo ela, é empregar o aprendizado na produção de produtos em uma agroindústria em que a família está projetando para entrar em operação ainda este ano, através do Feaper. Erenilda conta que há três anos comercializa cucas, pães e bolachas na feira no município. Ela também faz cucas para eventos. Elenilda Ferreira veio a Erechim acompanhada da extensionista do Escritório Municipal da Emater/RS-Ascar de Passa Sete, Marli Ferreira Todenti.

A agricultora Analice Giaretta, 30 anos, de Floriano Peixoto, também não poupou elogios para o curso, para as instrutoras e para a infraestrutura do Centro de Treinamento. O curso de Bolos e Tortas é o primeiro em que ela participa, mas adiantou que pretende fazer outros, como o de Massas Frescas. Analice disse que a intenção é preparar receitas de bolos para atender a família e ajudar a sua comunidade. “Aqui temos uma boa infraestrutura, com ótimas instrutoras, receitas fáceis de preparar”, comentou. “Além disso, o curso nos oportuna conhecer pessoas diferentes e fazer novas amizades”, complementou.

Este módulo integra um conjunto de cursos na área de farináceos oferecidos no Cetre: Processamento Artesanal de Biscoitos e Bolachas, Processamento Artesanal de Massas Frescas e Salgados e Processamento Artesanal de Bolos e Tortas. Além destes cursos, também são ministrados os cursos de Boas Práticas de Fabricação, Bovinos de Leite, Citricultura Básica, Secagem e Armazenagem de Grãos e Gestão de Agroindústrias. Neste ano, o Cetre passa a oferecer os cursos de Dieta da Vaca Leiteira e Plantas Medicinais, Aromáticas e Condimentares.

Comentários estão fechados.