Falta de uma política habitacional e as invasões

Estão ocorrendo inúmeras pequenas invasões de área em Erechim, principalmente ao redor do prolongamento dos trilhos da rede ferroviária, que está abandonada há décadas. Devido a invasões anteriores, sob os olhos das autoridades de nossa cidade, o município precisou assinar um TC na Justiça Federal, que obrigou Erechim a realocar tais famílias para áreas de loteamentos sociais, mas atualmente, com a falta de uma política habitacional e de fiscalização, e com o aumento do desemprego, várias famílias carentes e também alguns espertinhos, começaram a invadir estas áreas novamente e, no meu entender, a administração pouco está fazendo para resolver este problema social.

No último final de semana, uma pessoa que convive próximo a alguns invasores, me relatou que diversas famílias estão se preparando para a invasão de pelo menos uma área onde já foi realizado despejo na administração passada, nas proximidades da APAE.

No futuro o custo destas invasões será bem maior do que se o município tivesse levando adiante o projeto habitacional iniciado na administração passada, e quem vai pagar esta conta somos todos nós. Aliás, alguém sabe qual é o projeto habitacional do atual governo? Eu não sei, e nunca ouvi falar sobre ele, se é que existe.

Por Egidio Lazzarotto

Comentários estão fechados.