Rafael Ayub pede isenção do IPTU a atividades econômicas suspensas em razão da pandemia

Em decorrência da pandemia do novo coronavírus e sua abrangência de proporções globais, são muitos os serviços que tiveram suas atividades paralisadas por tempo indeterminado. Com o objetivo de amenizar esse impacto em nível municipal, o vereador Rafael Ayub (MDB) solicitou, durante a sessão ordinária da última segunda-feira (22), que o Poder Executivo isente do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) as atividades econômicas que estão impedidas de trabalhar devido à pandemia.

De acordo com o parlamentar, com a crise econômica cada vez mais evidente, é necessário que o poder público faça sua parte para ajudar a evitar eventuais problemas. “Justificamos o referido pedido com o intuito de buscar uma forma de minimizar os danos causados aos munícipes e pequenos negócios afetados pela pandemia”, afirma Ayub. O pedido foi encaminhado ao setor competente da Prefeitura após a sessão.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais