Ipiranga do Sul é beneficiado com Programa Sementes Banrisul

Ipiranga do Sul pelo quarto ano consecutivo adere ao Programa Sementes Banrisul, que conta com apoio da Emater/RS-Ascar, parceira da Secretaria Estadual da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr), como instituição organizadora do grupo Caminho das Flores Cores e Sabores, beneficiado pelo programa. O Programa Sementes Banrisul, criado em 2008, tem por objetivo orientar estilos de agricultura de base ecológica e estratégias de desenvolvimento rural sustentável. Visa ainda contribuir para a garantia da segurança e soberania alimentar, bem como auxiliar na geração de renda nas comunidades nas quais o Banrisul está inserido. Esse programa conta com diversas variedades de sementes, como hortaliças, plantas ornamentais, forrageiras e grãos, a serem destinadas para projetos que valorizem a agricultura sustentável.

O projeto é desenvolvido com o objetivo de estimular a produção de alimentos para o autoconsumo, ampliando a diversidade, quantidade e qualidade dos alimentos produzidos nas hortas domésticas, possibilitando uma alimentação saudável, além de promover e resgatar formas de cultivo que venham ao encontro da sustentabilidade e do manejo integrado, bem como da adoção de boas práticas de produção das hortas domésticas, sensibilizando para a importância de um alimento limpo e de qualidade. O programa visa ainda incentivar a organização e embelezamento das propriedades rurais, contribuindo com as questões de qualidade de vida, autoestima e permanência das famílias no meio rural.

O grupo Caminho das Flores Cores e Sabores, beneficiado com as sementes recebidas em Ipiranga do Sul, desde 2008 atua no município com atividade de Turismo Rural, formado por famílias de agricultores familiares e gerenciado pelas mulheres, recebe visitas de grupos organizados pré-agendados. As propriedades do grupo apresentam aos visitantes o paisagismo rural integrado às demais atividades agropecuárias desenvolvidas pelas famílias.

As propriedades têm presente ações de resgate e cultivo de plantas nativas e permanentes, plantas medicinais, condimentares e aromáticas, bem como hortas e pomares que garantem a sustentabilidade das famílias. O cultivo de alimentos para o autoconsumo faz parte das atividades nas propriedades rurais do Grupo Caminho das Flores Cores e Sabores, assim como nos demais grupos organizados pelas mulheres no município, entre eles nove Clubes de Mães e grupo do Programa Socioassistencial, onde 50 famílias rurais são incentivadas e orientadas sobre a importância da produção de alimentos e da agrobiodiversidade.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais