Tem o Melhor Fixo da Liga Gaúcha chegando no Galo: Silva!

A direção do Atlântico URI Erechim anunciou, na manhã desta quarta-feira (20), mais um reforço. É o experiente Fixo e Ala esquerdo Silva.
Rafael Silva de Jesus, o Silva, nasceu na cidade do Rio de Janeiro/RJ em 08 de junho de 1986.
Iniciou sua carreira no Vasco da Gama/RJ. No seu segundo ano de juvenil já estava integrado à equipe adulta que disputou a Liga Nacional de Futsal de 2005. 
Depois atuou nas seguintes equipes: Flamengo/RJ, Cabo Frio/RJ, Macaé/RJ, Petrópolis/RJ, Wimpro/SP, São José/SP, Ibéria Star da Rússia, Burela da Espanha, Umuarama/PR, Atlântico/RS, Alaf/RS, Al Saad do Qatar, Gardenline da República Tcheca e América de Tapera/RS.
Pelas equipes que passou acumulou diversos títulos, como: Estadual do RS, Carioca, Liga Sudeste, Copa dos Vales, Jogos Abertos, Copa Alto Jacuí, Copa Cataratas, Taça do Brasil, Libertadores da América, Copa da UEFA, Liga do Qatar, Copa do Qatar, entre outros.
Em sua primeira passagem pelo Galo erechinense, em 2014, Silva ajudou a equipe a levantar três taças: Campeão da Copa Cataratas, Campeão do Estadual Série Ouro e Campeão da Taça Libertadores da América de Futsal.
Na temporada de 2017 ele atuou pelo América de Tapera onde foi comandado pelo atual técnico do Atlântico, Giba. Segundo ele, “o Giba é um excelente treinador. Já tinha trabalhado com o Giba também na Alaf, em 2015. Com ele pude evoluir muito profissionalmente e pessoalmente. Sem sombra de dúvidas voltar a trabalhar com ele, agora no Atlântico, será muito importante”, destaca.
No América conquistou a Copa Alto Jacuí, onde participam clubes que disputam a Liga Estadual. Atuando pelo América foi o vice artilheiro da Liga Gaúcha de Futsal 2017 com 26 gols; e foi escolhido com o Melhor Fixo do Estadual 2017.
Atributos que fizeram a direção do Galo convidá-lo para retornar. “Minha expectativa é a melhor possível. É muito bom estar voltando para o clube, estou pronto para todos os desafios para 2018. Vou dar meu máximo para conquistar todos os títulos disputados. Sou apaixonado pela torcida e sou um erechinense de coração”, finaliza o atleta.

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.