Identificados os sequestradores da médica Tamires

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Na manhã desta quinta-feira (22), a Polícia Civil de Erechim em entrevista coletiva, deu detalhes do sequestro da médica Tamires Gemelli da Silva Mignoni.

Os sequestradores foram identificados, trata-se de Wilson Roberto Kintof, vigilante de um banco, Wile Hulf, conhecido como “vilão do táxi” e Sirlene dos Santos de Moraes, dona de casa. Os três são moradores de Laranjeiras do Sul.

A mulher responsável pelo cativeiro receberia uma quantia de R$ 5 mil. Já o vigilante havia apresentado para o banco um atestado, alegando problemas de coluna.

Conforme a Polícia Civil tudo levava a crer que Tamires não estava no Estado do Rio Grande do Sul. O itinerário realizado pelos sequestradores saiu de Erechim, seguindo para Itá, Chapecó e no cativeiro, em Cantagalo.

Por Carla Emanuele 

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais