UFFS apresenta mais de 250 livros produzidos por pesquisadores do Campus Erechim

Sarau realizado na noite de segunda-feira (21) teve lançamento de algumas das obras

A Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) – Campus Erechim promoveu, na noite de ontem (21), um sarau com lançamentos e exposições de livros produzidos pela equipe da Instituição. A atividade faz parte da programação da IX Semana do Diversa, evento que segue até sexta-feira com diversas ações de ensino, pesquisa, cultura e extensão. Um painel com as capas de mais de 250 livros de autoria de servidores e alunos serviu para exemplificar, de maneira visual, um pouco do que o Campus produz no seu papel de construção e difusão do conhecimento científico.

Alguns autores tiveram a oportunidade de falar sobre suas obras e explicar como elas foram desenvolvidas. Antes, uma apresentação cultural do Quinteto Choro Gaúcho serviu para abrilhantar o momento.

O sarau partiu de um levantamento realizado pela equipe da Coordenação Acadêmica do Campus. “Nós percebemos que temos um grande acervo de publicações dos nossos docentes que era desconhecido, inclusive internamente”, conta a professora Sandra Simone Hopner Pierozan, coordenadora acadêmica. “O primeiro ponto foi este: identificar o que nós temos de produção. Depois, quando começamos a constatar a quantidade de material, nossa preocupação foi em dar visibilidade a isto, incluindo para o público externo.”

Os mais de 250 livros mapeados são representativos daquilo que acontece nas pesquisas, na extensão, na cultura e no ensino propiciados pela UFFS. Se considerarmos 250 livros com média de 150 páginas por exemplar e uma altura de 25 cm cada um, enfileirando uma folha na sequência da outra, chegaríamos a 9,4 km. Outra curiosidade: considerando uma média de 3 cm de espessura para cada livro, chegaríamos a 7,5 metros de altura. Se empilhássemos 250 livros um em cima do outro, isto equivaleria a 2 andares do Bloco A do Campus Erechim

A professora Sandra destaca que os livros contemplam todas as áreas de conhecimento que são divididas no Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). “É importante dizer que as obras não são capítulos isolados, pois se fôssemos fazer a contabilização de capítulos, seria exigido um esforço muito maior. Não teríamos nem espaço para expor no saguão aqui do Campus”, pontua a coordenadora acadêmica. “Convidamos os colegas que estão lançando livros este ano, ou até pra fazer um pré-lançamento porque o livro vai ficar pronto até o final do ano. A atividade está sendo um sucesso e pensamos em fazer todos os anos.”

Acadêmica do Mestrado em Ciência e Tecnologia Ambiental, Thamarys Scapini foi uma das estudantes que participou da produção de um dos livros expostos. “É muito relevante pra mim ter esse livro publicado, ter meu nome na capa. Eu estou no primeiro ano do curso, tenho 23 anos e é o meu primeiro livro publicado”, comemorava. “Isto é de extrema relevância pra minha trajetória. Me incentiva muito a continuar na pesquisa, produzindo conhecimento para a comunidade científica e para a sociedade em geral, apesar de todos pesares do nosso contexto nacional.”

O sarau promovido foi apenas uma das várias ações que perfazem a programação da Semana do Diversa. Para conferir a programação completa do evento, acesse https://www.uffs.edu.br/institucional/pro-reitorias/pesquisa-e-pos-graduacao/sepe/sepe-edicao-ix/programacoes

.

Comentários estão fechados.