Irmãos Sartori voltam ao Graciosa para ‘estrear’ no asfalto

Dupla já venceu duas edições da prova mais tradicional do rali brasileiro e relembra histórias de suas participações desde 1999

O ano era 1999. Lá se vão 20 anos da primeira participação dos irmãos Juliano e Rafael Sartori no Rally da Graciosa, a mais tradicional prova do rali de velocidade no Brasil. E em 2019, a dupla voltará ao evento, só que pela primeira vez em uma versão 100% em estradas de asfalto.

A cidade de Quatro Barras, na região metropolitana de Curitiba, recebe a edição do Graciosa deste ano, no próximo dia 3 de novembro.

Da especial Dom Pedro em estrada de terra, à Dom Pedro em asfalto este ano, Juliano e Rafael tem uma ligação muito forte com o evento. E história é o que não falta para o piloto e navegador. “Lembro em logo na nossa primeira participação, havia uma especial noturna, e nós, de VW Gol, acabamos colocando faróis auxiliares de Kombi. Quando largamos, baixou uma neblina forte e no que acionamos os faróis, ficou tudo branco, quase não víamos nada. Foi preciso andar em alguns pontos com a cabeça do lado de fora para conseguir ver a estrada. Mas completamos”, recorda Juliano.

“Em uma outra edição, passamos a bandeirada literalmente capotando. Na chegada da especial Dom Pedro, que este ano será em asfalto, na época era estrada de terra. E quando estávamos no final, tocamos uma pedra com o carro e literalmente decolamos rumo a chegada”, lembra o piloto.

Mas nem tudo foram problemas nestas muitas participações da dupla no Graciosa. “Tivemos a felicidade de vencer duas vezes lá. Já disputamos etapas noturnas, com chuva e neblina,

especiais em asfalto, disputamos com grandes nomes do rali brasileiro e ganhamos bastante experiência em todos os ‘Graciosas’ que participamos”, aponta o navegador Rafael.

Em 2003, a dupla andava a bordo de um Mitsubishi Lancer e venceu pela primeira vez o rali paranaense. Depois, em 2006, foi a vez de subir ao lugar mais alto do pódio a bordo de um Subaru Impreza.

Agora, a dupla além de competir pela primeira vez na versão somente em asfalto, também estreará o VW Polo Maxi Rally. E desta vez, o Rally da Graciosa pode reservar uma lembrança ainda maior. Isso porque, a prova de novembro será a última da temporada do Campeonato Brasileiro (CBR). Na liderança da categoria mais forte, a RC2 (4×4), Juliano e Rafael vão em busca do bicampeonato nacional.

O Rally da Graciosa 2019

A programação do Graciosa 2019 se desenvolverá na região de Quatro Barras, que fica há cerca de 20 quilômetros de Curitiba. O Parque de apoio, com os boxes das equipes estará instalado na Rua Nilo Fávaro, 176, centro da cidade.

No sábado, feriado de 2 de novembro, os competidores realizam o reconhecimento das especiais. E no domingo, dia 3, o rali larga para oito especiais, totalizando 132 quilômetros de trechos cronometrados.

A prova também definirá os campeões da temporada nas três categorias do CBR: a RC2 (4×4), RC4 (a mais forte dos 4×2) e RC5 (4×2).

Programação do Rally da Graciosa

Sábado, 2 de novembro

08:00h – Abertura da Secretaria de Prova

08:30h – Início do reconhecimento das especiais

17:00h – Fim do reconhecimento das especiais Fechamento da Secretaria de Prova

17:30h – Briefing

Domingo, 3 de novembro

07:23h – SS1 – Rio do Meio 1 – 19km

08:06h – SS2 – Campininha 1 – 10km

08:59h – SS3 – Rio do Meio 2 – 19km

10:57h – SS4 – Rio do Meio 3 – 19km

11:40h – SS5 – Campininha 2 – 10km

14:33h – SS6 – Dom Pedro 1  – 18,6km

15:11h – SS7 – Dom Pedro 2 – 18,6km

17:19h – SS8 – Dom Pedro 3 – 18,6km

18:30h – Premiação (Coreto Prefeitura)

20:30h – Jantar de confraternização – Total Storage

CLASSIFICAÇÃO DO BRASILEIRO DE RALI

Categoria RC2N – 4×4

1 – Juliano Sartori/Rafael Sartori – VW Polo MR – 63p

2 – Roberto Reijers (piloto) – Peugeot 208 MR – 42p

2 – Sidney Broering (navegador) – 41p

3 – Luiz Facco (piloto) – Peugeot 208 MR – 40p

3 – Fausto Dallape (navegador) – 32

4 – Paulo Nobre (piloto) – Skoda Fabia R5 – 20p

4 – Rodrigo Konig (navegador) – 22p

5 – Tiago Reijers (piloto) – Peugeot 207 XRC – 17p

5 – Gabriel Morales (navegador) – 20p (…)

Categoria RC4 – 4×2

1 – Luis Stédile/Kaze Morales – Peugeot 207 – 49p

2 – Emerson Cavassin/Gilson Rocha – Peugeot 207 – 32p

3 – Fabiano Botelho/Bruna Giaretta – Peugeot 207 – 26p

4 – Felipe Marra/Luiz Felipe Eckel – Peugeot 207 – 23p

4 – Ricardo Oro/Luiz Felipe Trentin – GM Celta – 23p

5 – Sandro Suptitz/Eduardo Ortolan – VW Gol – 22p (…)

Categoria RC5 – 4×2

1 – Luiz Gustavo Loepper/Bruno Baptista – Peugeot 206 – 50p

2 – Luiz Poli/Damon Alencar – Peugeot 206 – 47p

2 – Victor Corrêa (piloto) – Peugeot 206 – 47p

3 – Evandro Carbonera/Juliano Gracioli – Fiat Palio – 43p

4 – Rafael Pombo/Eduardo Pombo – Peugeot 206 – 25p

5 – Joel Kravtchenko (piloto) – Peugeot 206 – 24p

5 – Maicol Souza (navegador) – 24p

5 – Robson Schuinka – navegador (…)

Comentários estão fechados.