Bispo e Pastor falam ao povo na conclusão da procissão de Sexta-feira Santa em Erechim

 

Em noite favorável, muitas pessoas participaram da procissão nesta Sexta-feira Santa que teve dois pontos de partida, Catedral e Santuário, e conclusão da Praça Jayme Lago. Com animação do Pe. Alvise Follador, da Catedral, do Pe. Edegar Passaglia, da Paróquia São Cristóvão e colaboradores e do Pe. José Carlos Sala e equipe nos cantos, os fiéis refletiram sobre aspectos da caminhada de Cristo até o Calvário relacionados com a realidade atual. A atitude de Pilatos em condenar Jesus sem ver nele nenhum crime motivou a recordação de muitas sentenças de hoje condenando inocentes e deixando culpados livres. Gestos de solidariedade de muitas pessoas foram mencionados na recordação da solicitude de Verônica em enxugar o rosto de Jesus. A presença da Mãe de Jesus em sua Paixão propiciou a observação de que nem todos os pais e nem todas as mães são capazes de ir ao encontro dos filhos quando estão numa pior. E muitos filhos não socorrem seus pais nas necessidades ou não os compreendem em suas limitações, especialmente na terceira idade.

Na chegada da procissão à Praça Jayme Lago, em nome do Conselho de Pastores de Erexim, falou o Pastor Edgar Radeski. Ressaltou que a presença de todos era não tanto para pedir, mas para agradecer a Deus por tudo o que Ele concede em Cristo que tomou sobre si nossas dores; que deu a vida em resgate de nossos pecados e ressuscitou glorioso e nos acompanha para termos vida abundante.

Em seguida, falou Dom José. Frisou que com gesto de amor e compaixão de Jesus, a cruz não será mais a medida da dor, será a medida do amor. Do corpo de Cristo nela pregado desce copioso sobre nós o sangue humano divino que lava, purifica, n liberta e redime a todos. Observou que a Paixão de Jesus continua na vida de muitos irmãos e irmãs que sofrem diversas formas de humilhações na busca de dignidade, que lhes garanta a sobrevivência de filhos e filhas de Deus, diante das tantas contradições que afligem o mundo. Desejou que  o gesto de amor de Jesus da entrega da vida na cruz torne a todos mais solidários e comprometidos com os valores do evangelho.

Após sua mensagem, Dom José invocou a Bênção de Deus sobre todos.

Encenação da Paixão de Cristo

Concluída a parte orante da noite na Praça Jayme Lago, houve a encenação da Paixão de Cristo com pessoas da região representando os diversos personagens da mesma.

Comentários estão fechados.