Casos de coronavírus sobem para 71 no RS, aponta Secretaria Estadual da Saúde

País registra, no total, 1.128 pacientes confirmados com a covid-19

Os casos de coronavírus aumentaram para 71 no Rio Grande do Sul, de acordo com a Secretaria Estadual da Saúde (SES), neste sábado (21). Até as 21h de sexta-feira (20), o Estado contabilizava 56 casos confirmados. 

Mais cedo, em coletiva de imprensa, o Ministério da Saúde havia informado que o RS tinha 60 casos confirmados. A SES ampliou à noite esse número com o total de casos confirmados neste sábado, dado não atualizado pelo ministério.

Conforme o boletim divulgado pelo ministério, o país registrava ao todo 1.128 casos. A pandemia está concentrada nos grandes centros, segundo o secretário de Vigilância em Saúde,  Wanderson Oliveira. O total de mortes chega a 18 no país.

Oliveira comentou sobre a velocidade do avanço do coronavírus no Brasil:

— Estamos muito longe da curva da Coreia (do Sul), o aumento de casos está mais ativo, mas, na comparação com número de dias, estamos um pouco acima da Alemanha e bem abaixo da Itália. É cedo, se pudermos nos manter, seria o ideal, mas hoje esta é a nossa realidade.

O secretário-executivo do Ministério da Saúde, João Gabbardo dos Reis, pediu na coletiva que a população colabore com as autoridades para deter a doença:

— A população tem que ter noção que não pode esperar só pelo governo. Cada um de nós vai precisar fazer a sua parte, com tranquilidade. Não adianta ter pânico, todo mundo sabe que quanto mais tempo se expor, mais vai diminuir a velocidade de controle da doença. Poderá faltar máscara? Poderá. Poderá faltar equipamento? Poderá. Mas estamos atentos para enfrentar a doença. Nenhum país consegue passar por essa pandemia sem dificuldade, e no Brasil não vai ser diferente. Vamos cumprir com as recomendações que estão sendo dadas.

 O perfil dos novos casos no RS:

– Bagé: um caso (mulher, 51 anos)
– Bento Gonçalves: dois casos (mulheres de 69 e 70 anos)
– Carlos Barbosa: um caso (mulher, 39 anos)
– Estância Velha: um caso (uma jovem de 13 anos)
– Estrela: um caso (mulher, 20 anos)
– Lajeado: um caso (homem, 57 anos)
– Porto Alegre: seis casos (homens de 40, 68 e 74 anos e mulheres de 26, 44 e 47)
– Santa Maria: um caso (homem, 32 anos)
– Viamão: um caso (homem, 67 anos)

Na sexta-feira (20), o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, decretou calamidade pública no Estado e anunciou medidas mais duras de combate à pandemia, incluindo a proibição do transporte interestadual e a redução de 50% na capacidade dos ônibus intermunicipais.

Fonte: GaúchaZH 

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais