Unimed Federação/RS leva proposta a Eduardo Leite

Encontro foi organizado pela Ocergs com a presença do diretor do Instituto Unimed, Alcides Mandelli Stumpf

O governador eleito, Eduardo Leite, reuniu-se com as lideranças do cooperativismo gaúcho em café da manhã realizado pela Ocergs, na terça-feira (20), na sede da SESCOOP (Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo do Estado do Rio Grande Do Sul) onde fez uma exposição sobre sua plataforma de governo, colocando ênfase na necessidade de parcerias entre os setores público e privado, especialmente com o cooperativismo.

Na oportunidade, ouviu com atenção a proposta do representante da Unimed Federação/RS e diretor do Instituto Unimed/RS, Alcides Mandelli Stumpf, de “somarmos forças para reduzir os gastos com a saúde, por meio de um plano de ação integrado entre as cooperativas médicas e os órgãos do Estado, principalmente o IPE”. Ele frisou que “não se trata de uma reivindicação, mas de um gesto de boa vontade da Unimed – que está presente em todos os municípios, da mesma forma que o IPE, o que na prática gera despesas excessivas e em dualidade”.

Ressaltou que, “como as Unimeds são cooperativas, estamos sempre prontos a colaborar e, junto ao novo governo, qualificarmos cada vez mais a assistência médico-hospitalar da população, reduzindo custos para os cofres públicos em todos os níveis municipais e estaduais”.

O governador Eduardo Leite anunciou a intenção de estudar a questão.

 

Theatro São Pedro

O diretor do Instituto aproveitou para convidar o novo governador para a solenidade de assinatura do contrato de parceria entre a Unimed Federação/RS e a Unimed Central de Serviços-RS com a Fundação Theatro São Pedro e a Associação dos Amigos do Theatro São Pedro que acontece na quinta-feira (22) no Foyer do Multipalco Eva Spoher.

O contrato entre as duas instituições tem como objetivo dar continuidade às obras do Teatro Oficina, um dos espaços do Multipalco que estão em construção, com o aporte de até R$ 1 milhão, mediante o repasse de R$ 300 mil de patrocínio e R$ 700 mil de recursos captados via Lei de Incentivo à Cultura (LIC).

O presidente da Unimed Federação/RS, Nilson Luiz May, informa que esse valor constitui o maior volume dos recursos destinados a investimentos de natureza institucional. “Os médicos da Unimed fazem parte da sociedade e convivem com as pessoas nas mais variadas atividades, como o esporte, o lazer e as ações culturais. Com esse novo espaço, a família Unimed RS terá mais oportunidades de participar de inúmeros eventos que realizaremos, junto ao teatro que é um dos símbolos do Estado, assim como a ‘marca Unimed’ é modelo no atendimento médico no país”, destaca.

Segundo Antônio Hohlfeldt, presidente da Fundação Theatro São Pedro, a parceria é altamente positiva porque reúne duas instituições e duas marcas que alcançam alto reconhecimento do público e da opinião pública. “A Unimed é referência tradicional em cooperativismo e o Theatro São Pedro é referência obrigatória em espetáculos de qualidade. Neste sentido, o somatório das duas entidades é estratégico para o Rio Grande do Sul e permitirá a disponibilidade, em pouco tempo, de mais um espaço para espetáculos de arte na cidade e no estado”.

 

Comentários estão fechados.