Governo municipal e ACCIE divergem quanto ao formato da Frinape

327

O clima entre o atual governo e a Associação Comercial, Cultural e Industrial de Erechim (ACCIE) não é dos melhores, mas tende a ficar mais tenso no próximo ano. O principal motivo seria a divergência de opiniões quanto ao formato da Frinape. O governo municipal quer uma Frinape voltada ao centenário de Erechim, ou seja, uma festa para o município alusiva aos 100 anos. Do outro lado, a ACCIE não aceita abrir mão de uma feira regional. Segundo um membro da ACCIE, o nome Frinape só poderá ser utilizando quando a feira tiver o caráter regional, caso contrário não.

Uma fonte do governo municipal informou que o município fará uma festa/feira em abril – mês do aniversário do município – denominada Festa das Nações. A Frinape inicialmente está programada para acontecer no mês de novembro, mas o clima deve esquentar no momento da decisão dos recursos públicos. Conforme informações um valor já foi estipulado para a feira, mas há membros do alto escalão que são contrários a destinação de montantes elevados para a Frinape.

Não acredito que teremos duas feiras no próximo ano, até por que a Capital da Amizade não iria comportar. É hora de ambos baixarem a guarda para chegar a um acordo sobre a realização de uma única feira. A ACCIE tem razão em defender a Frinape como uma feira regional, afinal, estamos na terceira edição que tem como objetivo integrar o Alto Uruguai. Deixar de lado os municípios seria uma contradição do discurso da instituição. Acredito que poderia ser feita uma festa alusiva ao centenário dentro da própria Frinape.

 

Por Fabio Lazzarotto

Você pode gostar também

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.