Cooperativas Agropecuárias das regiões de Erechim e Passo Fundo conhecem o Programa Mais Gestão

Com o objetivo de contribuir para o fortalecimento econômico e social e para a geração de renda das cooperativas da agricultura familiar e seus associados, o Programa Mais Gestão, do Governo Federal, foi apresentado pela Emater/RS-Ascar, na tarde desta terça-feira (20), para representantes de 20 cooperativas das regiões de Passo Fundo e Erechim. O ato foi feito na Casa da Cultura de Tapejara, durante uma reunião de mobilização.

Na reunião, coordenada pela equipe da Unidade de Cooperativismo (UCP) de Erechim, o coordenador estadual das Unidades de Cooperativismo da Emater/RS-Ascar, Francisco Manteze, apresentou a proposta central do trabalho a ser desenvolvido. Ele explicou que se trata de um Programa de apoio ao desenvolvimento da gestão das cooperativas da agricultura familiar, no Brasil. Pretende-se atender a partir de 2018, 1.032 empreendimentos da agricultura familiar no Brasil, sendo 124 cooperativas do Rio Grande do Sul, que serão assistidas pela Emater/RS-Ascar.

“Esses empreendimentos foram pré-selecionados em edital publicado em 2016, do extinto MDA. De 2012 a 2015 executamos a primeira etapa. Agora iniciaremos a etapa chamada Mais Gestão 2.0. A execução do Mais Gestão objetiva o assessoramento gerencial dos empreendimentos de forma gratuita para as cooperativas. Nesse sentido, a Emater despenderá de recursos financeiros próprios e também terá o aporte de recursos da Secretaria Especial de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Agrário e são repassados para a Emater/RS-Ascar por meio da Agência Nacional de Assistência Técnica e Extensão Rural (Anater)”, disse Manteze.

Após essa reunião de mobilização, as cooperativas interessadas fazem a adesão e, na sequência, inicia-se o diagnóstico, o plano de gestão e a execução, de acordo com cada necessidade, com vistas a qualificar as ações em seis áreas funcionais dos empreendimentos sendo eles, governança, gestão de pessoas, gestão financeira, festão de produção e processos, gestão comercial e gestão socioambiental.

Para participar do Programa os empreendimentos devem ser compostos por agricultores familiares, possuir DAP jurídica – Declaração de Aptidão ao Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar.

Na oportunidade, o coordenador da Unidade de Cooperativismo da Emater/RS-Ascar de Erechim, Cleunir Paris, apresentou as 20 cooperativas pré-selecionadas. Ele destacou também a importância do momento para a integração entre as cooperativas e para sanar as dúvidas sobre o Programa.

Nas regiões de Passo Fundo e Erechim foram pré-selecionadas para participar do Programa as cooperativas Coopasul, Cecafes, Coperfamília, Nossa Terra, Cooperval, Coopraf, Copermate, Cocel, Cooperbemm, Coopavi, Coohorti, Coopaf, Coolati, Coolaf, Coonalter, Coopvida, Coopervita, Copproratap, Cotapel e Farol. Para o presidente da cooperativa Nossa Terra, de Erechim, Adelmir Gaiardo, o Programa é muito importante, uma vez que o Mais Gestão vem dinamizar as ações que a Emater já está desenvolvendo com os empreendimentos coletivos da agricultura familiar, em especial na questão da gestão para as cooperativas.

A reunião contou ainda com a participação de representantes da Emater/RS-Ascar como os gerentes regionais de Passo Fundo e Erechim, Oriberto Adami e Gilberto Tonello, respectivamente, dos supervisores microrregionais Milton Rossetto e Fernanda Tacca Angonese, do assistente técnico regional também da Emater/RS-Ascar, Vilmar Leitzke, do chefe e da assistente administrativa do escritório municipal de Tapejara, Jair Batista do Amaral e Sandra Dal Bosco Sitta,  dos demais componentes da equipe da Unidade de Cooperativismo de Erechim, Teilor Schmidt e Frederico Modri Netto, da presidente da Câmara de Vereadores de Tapejara, Maeli Brunetto e do coordenador municipal da Agricultura, Eduardo Três.

Comentários estão fechados.