“Indústrias de Erechim terão matéria-prima para os próximos cinco dias”, alerta presidente da ACCIE, Fábio Vendruscolo

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Na tarde desta sexta-feira (20), aconteceu uma importante reunião com a direção da Associação Comercial, Cultural e Industrial de Erechim (ACCIE), para realizar uma avaliação após decreto de Calamidade Pública pelo governo federal, estadual e municipal. “Com os empresários que conversei na reunião, a situação é complicada para as indústrias de Erechim. A maioria tem matéria-prima apenas para os próximos cinco dias e depois, terão que parar suas atividades. Mas é claro, temos que estar cientes que a vida é mais valiosa do que tudo”, disse Vendruscolo.

Outra preocupação do presidente da ACCIE refere-se aos frigoríficos e seus integrados. “Em Erechim temos outra preocupação, os integrados de aves e suínos. Começa a faltar matéria-prima para produzir a ração e com isso, poderemos ter perdas irreparáveis”, finalizou.

Por Egidio Lazzarotto

Get real time updates directly on you device, subscribe now.