Bolsonaro diz que seu posto Ipiranga é o Guedes, já o posto Ipiranga do Schmidt é o Barp

Durante e após a campanha, o presidente Jair Bolsonaro disse que seu posto Ipiranga é o Guedes. Isso se confirma quando o presidente tem algum problema sério para resolver, logo manda falar com o Guedes. Já em Erechim, durante a campanha de Luiz Francisco Schmidt, o seu posto “Ipiranga” eram os ex-prefeitos Zanella e Dexheimer. Após a eleição, eles foram ficando de lado, outras pessoas surgiram e não conseguiram dar conta do recado.

Desde então, surgiu o verdadeiro posto Ipiranga do Schmidt, o secretário de Desenvolvimento Econômico, Altemir Barp. Ele é o posto Ipiranga, pois quando havia problema com a secretaria da Agricultura, chamaram o Barp. Com a feira do produtor não foi diferente, com sérios problemas entre agricultores e o governo, o Barp foi acionado para resolver.

No episódio câmeras de videomonitoramento, atrito do MTG com a administração sobre o acampamento farroupilha, o Barp auxiliou.

Depois do fiasco do Natal, chamaram mais uma vez o Barp. Por que não chamam o Barp para resolver o problema da ouvidoria? Muitos membros do governo afirmam que existe problema na secretaria de Coordenação e Planejamento, de repente o Barp possa resolver. Diante de tantos fatos, o Barp é o verdadeiro posto Ipiranga do governo Schmidt. Mais um detalhe, o Barp só é posto Ipiranga do governo para trabalhar e não para dar opinião. Até para fazer janta aos membros e amigos do governo, o Barp é chamado.

Por Egidio Lazzarotto