GATE detona dinamite encontrada no presídio de Erechim

O Grupo de Ações Táticas (GATE) da Brigada Militar, de Porto Alegre, detonou na tarde desta quarta-feira, 21 de fevereiro, a carga de dinamite encontrada em uma das celas do Presídio Estadual de Erechim, na tarde de ontem. A detonação aconteceu nos fundos do Centro de Lazer Viva Melhor, anexo ao Parque Longines Malinowski, por volta das 17h.

O GATE chegou a Erechim no meio da tarde e às 16h se dirigiu ao presídio para recolher a dinamite, que se encontrava em local isolado. Devido ao poder explosivo do objeto, a rua em frente à penitenciária foi isolada e uma equipe do Samu e outra do Corpo de Bombeiros permaneceram de prontidão para qualquer emergência. A dinamite foi então colocada em uma espécie de tambor de isolamento e levada para o Centro de Lazer.

Como a explosão aconteceu nos fundos do local, não houve necessidade de evacuar a área, mas foi solicitado que a imprensa não entrasse no Centro de Lazer para acompanhar a detonação.

A dinamite foi encontrada na cela 13 do Bloco B do presídio, no início da noite de ontem, durante revista realizada por agentes da Susepe e policiais militares. No local também foram apreendidas armas artesanais, drogas e celulares. Em janeiro deste ano, um artefato explosivo já havia sido localizado e apreendido no telhado da casa prisional e foi detonado pelo GATE nas dependências do quartel do 13º BPM.

Comentários estão fechados.