Projeto de asfaltamento da ERS 477 entre o km 25 e Centenário está pronto

Nessa terça-feira (19), o prefeito de Centenário Hilário Kolassa, acompanhado do secretário de Administração, Rodinei Banaszeski, cumpriram agenda em Porto Alegre. Por meio do gabinete do deputado estadual Edegar Pretto, a delegação participou de uma audiência com a diretora de Gestão e Projetos do DAER, a engenheira Bibiana Cardoso Fogaça, com o objetivo de verificar o andamento do projeto de asfaltamento do trecho de 8 km da ERS 477 entre o km 25 e o município de Centenário. A comitiva recebeu a confirmação de que o projeto básico de engenharia e de sinalização estão todos atualizados.

A delegação saiu da audiência bastante otimista com as informações obtidas, visto que o projeto está apto para ser encaminhado para o próximo passo, que é o do processo de licitação.

O prefeito Hilário Kolassa e o secretário Rodinei Banaszeski foram informados que há uma previsão de que a partir de 2020 o governo do estado inicie os processos de licitação para os trechos não asfaltados de até 10 km. Desta forma o trecho até Centenário estaria contemplado nesta fase dos trabalhos.

Kolassa enfatizou que, mesmo sem uma garantia de que a licitação para o asfaltamento irá ser publicada, há uma expectativa de isso possa acontecer. “Estamos nos mantendo mobilizados e acompanhando cada processo, para que as obras nos municípios sem ligação asfáltica sejam iniciadas, por isso buscamos manter contato e apoiamos a iniciativa de unir as esferas municipal, estadual e federal para que estas obras sejam viabilizadas financeiramente”, comentou ele.

O secretário de Administração, Rodinei Banaszeski, destacou que esta obra é essencial para o desenvolvimento do município, que ela trará uma nova realidade para a população regional. “Com o asfaltamento deste trecho, além de facilitar o trânsito de mercadorias, a região Alto Uruguai passará a contar com mais uma opção de ligação com Santa Catarina, o que também traz benefícios ao trânsito de pessoas”, comentou ele.

Segundo os integrantes da comitiva, a expectativa é que sendo iniciado o processo de licitação em 2020, as obras de asfaltamento iniciem logo na sequência, o que resultará em uma conquista histórica para o desenvolvimento da região.

 

Comentários estão fechados.