Falta de matéria-prima preocupa indústrias de móveis

Se não bastasse a preocupação do contágio do coronavírus para os empresários e trabalhadores das indústrias moveleiras, agora está faltando matéria-prima, deixando o setor preocupado.

A falta de material está atingindo mais as pequenas indústrias, que geram muitos empregos em Erechim.

As indústrias moveleiras nunca tiveram tantos pedidos, pelo fato de que a maioria das empresas não está conseguindo matéria-prima para entregar o produto dentro do prazo.

Para piorar a situação, tem clientes querendo pagar os móveis antecipadamente, mas as empresas não podem fechar negócio sem garantia de entrega.

Se persistir essa situação, algumas empresas poderão suspender as vendas e talvez, paralisar a produção.

Por Egídio Lazzarotto

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja bem com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. ACEITO Leia mais