Emater/RS-Ascar e Cooperval proporcionam viagem educativa a jovens rurais para 6ª Festa Nacional das Sementes Crioulas

Um grupo de 30 de agricultores de Erval Grande e região do Alto Uruguai, dentre os quais, jovens participantes do Projeto Jovem Cooperativo e entidades parceiras, realizou excursão educativa, no sábado (17), para conhecimento de alternativas sustentáveis para a agricultura familiar na 6ª Festa Nacional das Sementes Crioulas e 12ª Expo Anchieta, realizadas nos dias 16, 17 e 18 de março, no município de Anchieta, na região Oeste de Santa Catarina.

O evento contou com palestras e oficinas, abordando aspectos da segurança e soberania alimentar e da sustentabilidade da agricultura familiar, envolvendo temas como sementes crioulas, Agroecologia, turismo rural, alimentação saudável, plantas/frutas nativas, artesanato, cultura e integração, bem como exposição da biodiversidade através das sementes crioulas, destacando-se as sementes de milho, feijão e arroz, dentre outras.

Pela parte da manhã o grupo visitou estandes e bancas de produtos coloniais e orgânicos. Também conferiu museu com exposição de itens antigos relacionados à atividade rural. Também prestigiaram a palestra “Agricultura e Alimentos para Vida – cuidando de si e do mundo para uma vida longa com saúde” ministrada pelas palestrantes Inês Claudete Burg e Julian Perez Cassarino, da Universidade Federal Fronteira Sul (UFFS).

À tarde, o grupo participou de oficinas, sendo que cada participante pôde escolher entre as 13 oferecidas aquela que tivesse maior aptidão ou relação com a atividade que desempenha ou pretende se dedicar. Foram ministrados temas relativos à culinária à base de milho crioulo, hortas e quintais produtivos, agroturismo e ecoturismo, bioconstrução, plantas medicinais voltadas para o cultivo e utilização, técnicas locais e melhoramento genético de variedades crioulas de milho; culinária à base de integrais – produção de brotos e sucos verde para a alimentação; plantas não convencionais na alimentação e frutas nativas. Outras opções foram oficinas de meliponicultura – abelha nativa sem ferrão, germinando arte, artesanato com sementes, jogos teatrais; oficina crítica de arte; regulamentos orgânicos e certificação de grupos de produtores por auditoria.

Acompanharam a excursão os extensionistas da Emater/RS-Ascar, Juliano Galina, do Escritório Municipal de Erval Grande, e Cleunir Augusto Paris e JhonatanMunarettoImlau, da Unidade de Cooperativismo de Erechim. Para Galina, a viagem educativa proporcionou conhecimento teórico e prático, através de palestra e oficinas. “Os participantes também tiveram a oportunidade de conhecer a diversidade e adquirir as sementes crioulas para implantação nas suas propriedades”, salientou.

As jovens Maria Sulenta e Bianca Wietzycoski comentam que a viagem de estudos foi muito oportuna, pois ampliou seus horizontes sobre alternativas sustentáveis para a agricultura familiar e, os temas tratados podem ser facilmente replicados em suas unidades de produção familiar. Elas participaram da oficina sobre Plantas Medicinais e contam que “aprendemos muito sobre o cultivo e utilização correta das plantas para elaboração de medicamentos fitoterápicos”.

A excursão promovida pela cooperativa Cooperval de Erval Grande, Emater/RS-Ascar e contou como apoio da Secretaria Estadual do Desenvolvimento Rural Pesca e Cooperativismo (SDR). A Cooperval é beneficiária do Programa de Extensão Cooperativa, Programa da SDR executado pela Emater/RS-Ascar através de sete Unidades de Cooperativismo, conjuntamente com os escritórios municipais e regionais da Instituição.

A Cooperval, conjuntamente com a Emater/RS-Ascar, está desenvolvendo o Projeto Jovem Cooperativo a fim de promover o desenvolvimento rural sustentável das famílias e da cooperativa, qualificando o jovem rural neste processo. Para isso, conta com o apoio da Cresol, Sicredi, Crehnor, Banrisul, Banco do Brasil, Paróquia Nossa Senhora da Glória e da Prefeitura de Erval Grande.

 

Comentários estão fechados.