Secretaria de Saúde pode ter app para agendamentos e demais serviços

Aplicativo sugerido pelo vereador André Jucoski visa otimizar a gestão dos procedimentos e facilitar o acesso da população aos serviços ligados a saúde municipal

A tecnologia mudou a forma como a maioria das pessoas realiza as tarefas diárias. Alertas bancários, monitoramento de saúde, notícias e relacionamento em redes sociais são alguns exemplos de uso. Neste sentido, aplicativos de celular são muito úteis nas mais diversas aplicações. Diante desse cenário, o vereador professor André Jucoski sugeriu em dezembro de 2018 aos órgãos competentes do município de Erechim, estudo de viabilidade para implementação de um aplicativo para os serviços prestados pela Secretaria de Saúde.

Por meio da ferramenta, a ideia é permitir que tanto a pasta quanto a população possam, de maneira acessível e prática, realizar ações como agendamento de consultas, confirmação e cancelamento de exames, entre outros procedimentos que são feitos nas Unidades Básicas de Saúde e Secretaria de Saúde de Erechim.

André Jucoski argumenta que a sugestão do App leva em conta a necessidade de facilitar o trabalho realizado pela Secretaria e, principalmente, otimizar a logística dos procedimentos à população. “Sabemos que há uma quantidade significativa de pacientes que agendam consultas ou exames e muitas vezes não comparecem, ficando assim ociosa a vaga, enquanto a fila de espera não para de crescer. Muitos usuários encontram dificuldades quando precisam marcar ou desmarcar consultas e procedimentos”, justifica.

Buscando mais detalhes do projeto, no mês de janeiro a representante da Secretaria municipal de Saúde, Elenise Dalló, procurou o gabinete do vereador. O encontro também teve o objetivo de discutir uma forma de viabilizar com maior brevidade a implementação da ferramenta, assim como já fez a cidade de Blumenau e serve de modelo. “A modernização nos serviços públicos, promove o bem-estar do cidadão, agiliza os processos, além de gerar economia aos cofres públicos, uma vez que não são perdidos na totalidade os exames que deixam de ser retirados, consultas em que o paciente não comparece por esquecimento, entre outros”, pontuou o vereador Andre Jucoski, otimista pelo interesse da Secretaria de Saúde, que, segundo ele, prevê implementar o recurso já neste ano.

André justifica ainda que além de otimizar a gestão dos procedimentos e facilitar o acesso à população, o aplicativo pode aumentar a produção nas UBSs, já que os usuários dos serviços, poderão ver as vagas disponíveis no momento em que estas são canceladas por outro paciente, por exemplo. “Nosso objetivo quando sugerimos o estudo de viabilidade de implantação futura do APP, foi facilitar o acesso às consultas nas UBS, garantindo assim maior agilidade, menor absenteísmo e equidade entre os usuários, facilitando aos pacientes confirmar e cancelar consultas e exames pelo telefone celular” conclui o vereador.

Comentários estão fechados.